Petrópolis fez plantio de 35 mil mudas em 2018

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Durante todo o ano de 2018, as ruas, praças, pontos turísticos e diversos outros locais da cidade receberam o plantio de cerca de 35 mil mudas de flores. O maior destaque são as hortênsias, representam quase um terço do que foi plantado nos canteiros da cidade. Mas outras espécies de plantas também embelezam o município. O local mais recente que está recebendo manutenção é o Relógio das Flores, um dos grandes atrativos no Centro.

 “As flores dão uma outra cara para a cidade, que fica mais viva, com mais cores. É um incentivo a mais para que os moradores circulem pelo município e para a vinda dos turistas, para que todos aproveitem a beleza de Petrópolis, que é ressaltada pelas plantas”, diz o prefeito Bernardo Rossi.

A Comdep mantém 30 funcionários no setor de jardinagem. Eles foram os responsáveis, por exemplo, pela manutenção de 191 jardins em toda cidade, pela poda de 175 árvores e remoção de 135, plantio de mais de 3 mil metros de grama, entre outros serviços.

Um desses serviços é o de revitalização do Relógio das Flores, um dos espaços paisagísticos mais importantes de Petrópolis. Por lá, foram plantadas mais de 1,8 mil mudas de Cravínea, Target e Lantana. As flores rosas formam os números do relógio, enquanto as amarelas e laranjas foram colocadas no entorno.

“O Relógio das Flores é um dos locais mais bonitos de Petrópolis. Por isso, esse trabalho é feito constantemente para garantir que ele sempre estará lindo para todos que vierem ver, conhecer, tirar fotos. O setor de jardinagem já tinha feito a revitalização nesse ano em maio e, agora, mais próximo do verão, quando as pessoas vão passear mais para aproveitar a cidade, plantamos novas mudas mais uma vez”, explica o presidente da Comdep.

Flores e serviços em toda cidade

 Mas não é só lá que as flores trazem beleza para a cidade. Alto da Serra, Quitandinha, Castelânea, São Sebastião, Valparaíso, Carangola, Duarte da Silveira, Rua Teresa, Morin e Bingen são alguns dos bairros onde houve plantio de mudas, assim como Palácio de Cristal, Hotel Quitandinha, Parque Municipal de Itaipava. Nesses locais foram colocadas mudas de Beijinho, Cravínea, Cebolete, Lantana, Cerejeira, Palmeira, Target, entre diversas outras espécies.

Praça da Liberdade, Hotel Quitandinha, Rua Getúlio Vargas, Rua do Imperador e Praça de Corrêas são alguns dos exemplos de espaços que receberam grama nova.

As podas e cortes de árvores também fazem parte do trabalho do setor de jardinagem. Todo serviço acontece a partir de recomendações técnicas feitas após a Secretaria de Meio Ambiente examinar as condições de tronco e galhos e depois de autorização por parte dos órgãos de defesa do patrimônio histórico. As erva-de-passarinho, uma planta que suga os nutrientes das árvores, são um dos grandes vilões. Quando as plantas estão secas ou mortas é analisado a melhor solução para evitar o risco de queda (e consequentemente, de causar acidentes ou danos a veículos).

Esse trabalho ocorreu ao longo do ano em ruas do Valparaíso, Corrêas, Posse, Quitandinha, Quissamã, Itamarati, Mosela, Morin, Nogueira, Secretário, Siméria, Itaipava. Todas as árvores retiradas são compensadas com o plantio de outras mudas.

Hortênsias

 Depois de plantar 7,2 mil mudas no ano passado e retomar a tradição de Petrópolis ser a “Cidade das Hortênsias”, a Comdep começou a produzir mudas. As primeiras flores foram podadas e, a partir delas, foram cultivadas novas mudas. Agora, elas estão sendo colocadas em diversos locais como a Av. Koeler, Roberto Silveira, Alfredo Pachá, Praça Princesa Isabel (em frente à Catedral São Pedro de Alcântara), entre outros locais. Já foram plantadas 10 mil mudas, sendo que só em novembro foram 3,8 mil. Depois florescer, elas serão podadas novamente, gerando novas mudas e permitindo continuar o ciclo.

O plantio delas seguiu um pedido feito em 2017 pelo bispo da diocese de Petrópolis, Dom Gregório Paixão, e resgata uma ação iniciada ainda pelo prefeito Oswaldo Cruz, na década de 1910.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.