Foto: Divulgação Ascom

Petrópolis amplia número de equipes para a testagem da Covid-19 de porta em porta

Município passa a contar com dez equipes de saúde para a realização da testagem nas residências

Para ampliar ainda mais as testagens em massa, o monitoramento da Covid-19 e prevenir a chegada da segunda onda da doença na cidade, Petrópolis passa a contar, a partir desta segunda-feira (23), com dez equipes de saúde para a realização da testagem de porta em porta. Técnicos farão o atendimento em domicílio, garantindo que toda a população consiga fazer o teste. As ações fazem parte da prevenção de uma segunda onda da COVID-19.

No último sábado (21), os testes foram feitos nos bairros Independência e Quitandinha. Do total de 667 pacientes testados nestes dois locais, em pontos fixos e de porta em porta, 35 exames positivos foram detectados. Nesta segunda-feira, com início às 09h, equipes fixas e móveis realizarão a testagem no Caxambu e no Alto da Serra. Além das equipes que irão atuar de porta em porta, os pontos fixos estarão no CIE do Caxambu e na Praça Rui Barbosa, no bairro Alto da Serra.

“Aumentamos ainda mais a realização dos testes diariamente nos pontos fixos, e de porta em porta, com o objetivo de dar mais facilidade à população e buscando melhorar, ainda mais, nosso monitoramento. A doença voltou a tomar grandes proporções em diversas cidades e, diante disso, precisamos manter nossas medidas protetivas à população. Fazemos, novamente, o pedido para que as pessoas evitem as aglomerações e mantenham os cuidados que sempre tiveram desde o início da pandemia. Os hospitais têm percebido o aumento expressivo no número de jovens infectados. Justamente a faixa etária que mais tem deixado a prevenção de lado e que, mesmo sem querer, pode infectar amigos e parentes. Devemos redobrar nossos cuidados”, afirmou a secretária de saúde do município, Fabíola Heck.

Após o reinício das ações de testagem em massa, locais como o Centro da cidade, Nogueira, Quitandinha, Araras, Alto da Serra, Corrêas, Pedro do Rio, Posse e Cascatinha já realizaram as atividades, testando mais de 5 mil pessoas. Vale lembrar que Petrópolis vem apontando crescimento na contaminação pela doença e que hospitais, públicos e particulares, já apresentam aumento nos números de internações pelo novo coronavírus.

Para os atendimentos é exigido um documento de identificação com foto e não é necessária a realização de cadastro prévio. Os usuários testados, nos pontos fixos e em casa, recebem o resultado em 15 minutos pela equipe técnica responsável pelo trabalho. O trabalho acontece sempre das 09h às 16h.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também