Tentaram nos calar, mas não conseguiram. Com o empenho e dedicação de nossa equipe e a mobilização de lideranças políticas, coletivos, artistas e da sociedade civil, conseguimos reverter o ato de censura promovido pelo prefeito Marcelo Crivella e apresentaremos hoje a peça “O Evangelho segundo Jesus, Rainha do Céu”, a partir das 19h, na Fundição Progresso, na Lapa.

O espetáculo é uma das principais atrações do segundo dia da Mostra Corpos Visíveis e estreia no Rio de Janeiro trazendo uma mistura de monólogo e contação de histórias em um ritual que traz Jesus ao tempo presente, na pele de uma travesti. Histórias bíblicas conhecidas são recontadas em uma perspectiva contemporânea, propondo uma reflexão sobre a opressão e intolerância sofridas por transgêneros e minorias em geral.

“O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” fala de amor, de respeito e de tolerância. O que ofende, na verdade, é o fundamentalismo religioso que paralisa a discussão de assuntos tão necessários para construção de uma sociedade mais justa e menos desigual. Como afirmou a atriz da peça, Renata Carvalho, “Jesus é a imagem e semelhança de todes menos de pessoas trans – é inapropriado “

A distribuição das senhas começa uma hora antes do espetáculo e os ingressos são limitados à lotação do espaço. Para participar basta chegar cedo ou garantir o ingresso como uma das possibilidades de doação ao financiamento coletivo criado pela produção da Corpos Visíveis para arcar com custos estruturais de som e iluminação do espaço, além de equipe, com a transferência de parte da Mostra do Parque Madureira para a Fundição Progresso. As contribuições podem ser feitas através do link: http://bit.ly/corposvisiveis. Agradecemos imensamente a quem puder ajudar e oferecemos algumas recompensas descritas no texto de apresentação do financiamento

Além da peça e outras atrações na Fundição Progresso, haverá várias atividades nesse sábado no Parque Madureira, como o Slam das Minas, no qual mulheres protagonizam batalhas poéticas; e shows das Mulheres de Buço e de Elis Mc. Convidamos a todas e todos aqueles interessados na livre expressão de gênero, sexualidade e arte a celebrar esta conquista na luta pelo direito a uma cidade laica para todas as pessoas.

Segue a programação completa desse sábado da Mosra Corpos Visíveis:

Local: Fundição Progresso

10h às 13h
Oficina Dramaturgay – Peter Franco
Oficina Cordel Dissidente – Tertuliana Lustosa

14h às 16h30
Cine Diversidade

19h às 21h
Performances
– “A cada 19h”
– “DragQueen Ma.Ma. Horn”

“O EVANGELHO SEGUNDO JESUS, RAINHA DO CÉU”
Espetáculo teatral com tradução em Libras

Local: Parque de Madureira

Próximo ao Portão 3 (entre a Administração e a Nave do Conhecimento)

14h às 20h

Feira TAPA

Atividades:

15h
Pocket show da Elis Mc e desfile Crespinhos S/A

15h30
Pocket show das Mulheres de Buço

16h
Slam das Minas
Com microfone aberto à poesia e participação das Mulheres de Buço

18h
DJ Lene Gil

#NossosCorposSãoVisíveis
#CensuraNuncaMais
#NãoCensuremNossosCorpos