Alexandre Carius / Agência O Globo

Paulo Igor vira réu novamente pelo TJRJ A decisão foi acatada por maioria dos votos

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Por decisão do Colegiado, do 1º Grupo de Câmaras Criminais do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), Paulo Igor virou novamente réu, acusado de obstrução de justiça, quando da tentativa de dificultar a investigação deletando o aplicativo de mensagens do seu Smartphone.

A decisão foi acatada por maioria dos votos, em votação realizada nesta quarta-feira (6) pelo Colegiado, de cinco votos a favor e dois contra. A decisão foi proferida pela relatora Desembargadora Katia Maria de Paula Menezes Monnerat.

A Primeira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) havia decidido no dia 2 de outubro, tornar réu o ex-vereador. Ele é parte do inquérito que apura os crimes de peculato e fraude em licitação na Câmara Municipal de Petrópolis.

Crédito da foto: Alexandre Carius / Agência O Globo

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.