Foto: Divulgação

Palácio de Cristal recebe lançamento de curtas-metragens “Expedição Vedanta – Amazônia”

Filmes sobre tribos amazônicas e suas culturas vão ser exibidos ao público
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Instituto Vishva Vidya promove na próxima quinta-feira, dia 06 de outubro, às 18h30, no Palácio de Cristal, o lançamento e exibição da série de curtas “Expedição Vedanta – Amazônia”. São três filmes, fruto do mergulho do professor tradicional de Vedanta Jonas Masetti e de seus alunos em uma vivência com os Shanenawa, povo indígena de Feijó, no Acre. Eles passaram 15 dias na aldeia, a convite do cacique Maná Shanenawa, experienciando hábitos, tradições e a cultura dos povos originários no Brasil. O evento no Palácio de Cristal é gratuito, aberto ao público e vai contar ainda com a presença do pajé Busan Shanenawa e do chana (espécie de cantor) Yubha.

“Acredito que a verdadeira força por trás da transformação de uma sociedade está na conexão com a sua ancestralidade, ou seja, com as civilizações que ocupavam a Terra originalmente. Com uma jornada de 20 anos me dedicando aos estudos da Tradição Védica, que é o povo originário da Índia, decidi descobrir, entender e divulgar os ensinamentos de outros povos originários, que são igualmente valiosos e patrimônios da humanidade. Assim, abrimos caminhos para vencer nossos preconceitos e desinformações sobre as culturas originárias”, relata o professor Jonas.

Os filmes documentam uma imersão cultural de valores e práticas dos índios da Amazônia. Isso porque são eles que conseguem manter viva a cultura e o modo de vida dos primeiros habitantes do planeta. “Quando falamos de povos originários, não existe religião envolvida ou dominação econômica e cultural. É um conhecimento do ser humano com a natureza, com ele mesmo e com Deus, sem intermediários. Eu pude perceber que todos esses povos, usando de símbolos diferentes, palavras diferentes e línguas diferentes, estão apontando na mesma direção quando se trata de religiosidade. A sinceridade deles, a verdade, a conexão interna, a honestidade, a família são valores por trás dessas práticas ancestrais”, completa Masetti.

Essa é a terceira temporada de filmes mostrando os povos originários. A série “Expedição Vedanta” começa com o Professor Jonas em 2019, com o propósito de transmitir de maneira simples e acessível os ensinamentos milenares de Vedanta, ao mesmo tempo em que documenta belíssimas paisagens do mundo. Viagens tanto ao interior do ser, como à beleza do mundo.

A primeira série: “Expedição Vedanta – Patagônia”, estreou em outubro de 2019 e contabiliza mais de 6 milhões de visualizações no YouTube em 8 episódios. Temas como as relações familiares, o preconceito, espiritualidade e propósito de vida são abordados e contextualizados com emocionantes relatos de seus alunos.


A recém-lançada Expedição Vedanta – Ilhas Maurício (gravada em agosto de 2019 e estreada em 1 de setembro de 2022) é um especial de 76 minutos que relata o pitoresco episódio onde um Ashram foi oferecido ao Professor Jonas. Viajando com seu mestre e alunos a essa ilha em meio ao oceano Índico, eles devem determinar, em uma semana, se ficariam com o lugar ou não. Para entender se o lugar é propício, realizam um curso de Vedanta com o mestre Sakshatkrtananda e uma técnica de meditação especial. Um destino recorrente de luas-de-mel, resorts paradisíacos e paz tropical, nas Ilhas Maurício foi possível ver o lado forte da cultura indiana, seus templos e estátuas gigantes.

“A Expedição Vedanta – Amazônia está muito especial. Precisamos proteger e propagar esse conhecimento, essa riqueza imensurável que é reconhecer o nosso próprio valor: esse é o bem mais precioso que esses povos podem nos fornecer”, finaliza o professor Jonas Masetti.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.