O exame de sangue e o cuidado com a saúde

“O exame de sangue tem grande importância quando pensamos em saúde do indivíduo."
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Por: Samuel Freitas

O Laboratório Baffi foi fundado em 1973, em Petrópolis, oferecendo inicialmente serviços de Hematologia e Hemoterapia aos hemofílicos da cidade. A partir disso, novos equipamentos e técnicas foram adquiridos, ampliando assim a gama de procedimentos oferecidos à população. Entre eles, o exame de sangue tem fundamental importância, e é isso o que enfatiza o diretor da empresa, Dr. Luciano Baffi:

“O exame de sangue tem grande importância quando pensamos em saúde do indivíduo. Funciona como triagem, fornecendo informações importantes sobre a saúde do paciente, onde o médico assistente poderá atuar com ferramentas seguras para tomadas de decisões na prevenção de doenças, tratamento e controle de cura.”

Para ele, é fundamental que essa amostra esteja em dia, para que se possa atuar de forma preventiva o desenvolvimento de doenças e agravos à saúde. Além disso, falar da importância desse procedimento é muito importante, visto que muitas pessoas podem passar meses ou até anos sem fazer. Sobre isso, o Dr. Luciano afirma:

“Muitas vezes, deixamos de identificar problemas que poderiam ser evitados caso fossem previamente diagnosticados. Diversas patologias são silenciosas, ou seja, o paciente em fases iniciais não demonstra sinais e sintomas da doença, por isso a importância destes exames”. Sobre a periodicidade, ele ainda acrescenta:

“O nosso organismo é muito dinâmico. Por isso é recomendado que os exames de sangue, chamados de check-up, sejam realizados 1 vez por ano ou de acordo com as necessidades do paciente”, concluiu.

De acordo com o médico, com o grande acesso às informações que as pessoas têm hoje em dia, há uma maior preocupação com a saúde. Ele acredita que práticas como boa alimentação, exercícios físicos, saúde mental e exames em dia, tem crescido na população.

“Os pacientes bem-informados e orientados por bons profissionais aderem as boas práticas e conseguem melhorar a qualidade de vida”, finalizou.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.