O crescimento do R&B no Brasil causa explosão nas plataformas digitais

Elber é paulista, cantor e compositor, além de ser uma das apostas para o crescimento do gênero musical no país

O gênero musical oriundo dos Estados Unidos é uma mistura de soul, jazz e hip-hop. Desde suas primeiras aparições, em 1940, o R&B, ou melhor, rhythm and blues, foi uma versão negra antes do rock. Originalmente o blues já era cantado em 1870, quando os escravos do sul dos EUA, criavam e cantavam canções lentas e sentimentais que retratavam o sofrimento de um povo renegado.

Cantores gigantes já cantavam o gênero musical antes mesmo de ficar conhecido no Brasil, nas vozes de artistas como: Luccas Carlos, Alt Niss, Rashid e até o veterano, Seu Jorge. Michael Jackson, Beyoncé, Ne-Yo, Rihanna e Chris Brown, são alguns dentre tantos outros artistas que influenciaram na difusão do R&B pelo planeta.

Além de Luccas Carlos e Alt Niss, outros nomes como Tassia Reis, Nith e Elber levantam a bandeira do gênero musical com grande qualidade sonora. Em canções, cuja perspectiva romântica, o R&B ganha destaque por ser contundente em suas melodias, podendo até misturar diferentes ritmos em uma mesma track.

O crescimento do R&B no Brasil causa explosão nas plataformas digitais, haja vista a quantidade de referências positivas que os cantores brasileiros podem ter. O Elber, por exemplo, contou exclusivamente para o Blog do Malheiros que é fã de Bossa Nova e foi influenciado pelo grande Tom Jobim, para que pudesse escolher o caminho artístico.

“Meu som têm uma influência da cena R&B norte-americana. No entanto eu me amarro em Bossa Nova e Tom Jobim, principalmente. Com meu amadurecimento musical pude perceber que a estrutura harmônica e a cadencia dos acordes da Bossa Nova tinham muito em comum com os ritmos R&B americano. Ai comecei a estudar mais sobre isso e hoje busco introduzir isso no meu repertório”. – contou Elber, que começou a fazer arte com apenas 15 anos.

Apesar de ter nascido em Hereford, na Inglaterra, Elber Alves, de 21 anos, têm todo o lifestyle de um paulista nato. Seu último EP que contou com 3 faixas é a prova disso. O cantor comentou que sugeriu que os fãs escolhessem qual música tivesse clipe, sendo o “Cara da Mochila” a mais votada. Veja o clipe aqui.

Elber ainda está dando seus primeiros passos mais influentes na cena do R&B brasileiro e anda planejando lançamentos cheios de qualidade sonora. O próximo, denominado “Calma Mina”, será gravado em Petrópolis, Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro.

Seus trabalhos podem ser conferidos através do seu canal no Youtube. Além de pode ser escutado também pelo Spotify.

Luccas Carlos têm se pronunciado perante aos fãs por meio de suas mídias sociais e já declarou que em breve tem álbum novo. Seu último trabalho foi o EP “Um”, que está disponível em todas as plataformas digitais. Alt Niss por sua vez invadiu a Boggie Naipe, produtora comandada por Mano Brown, e promete balançar as plataformas digitais com seus lançamentos.

O R&B alcança jovens que talvez nem saibam o quão importante foi o desenvolvimento do gênero através de grandes vozes, ainda nos “states”. Portanto, é fato que a melodia rhythm and blues influencia (e muito) no ponto de vista sobre o mundo. Em tempos difíceis, nada como um R&B – lento e sentimental – para que as flores tenham cores vivas.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também

1 Comentário

Fernanda 02/04/2019 - 14:01

Muito bom!

Resposta

Leave a Comment