Não sabe o que fazer com aquele colega tóxico? Psicólogo dá dicas para eliminar esse tipo de relação

Uma tipologia relacional a qual não é nada saudável, são as relações tóxicas. O Psicólogo e Escritor Alexandre Bez fala sobre os relacionamentos no âmbito profissional, acadêmico e amistoso/coleguismo, e dá dicas para se afastar desse portador, que são configuradas por pessoas as quais somos por essas circunstâncias obrigados a conviver.

Esse tipo de relação podem alterar a configuração do nosso pragmatismo diário, deixando-o mais poluído. Sempre sentidas por aquela sensação dolorosa e maçante de peso no ombro

Segundo Alexandre, eliminar as relações tóxicas na sua vida, irá lhe proporcionar mais alívio em todos os âmbitos! Você terá um ar mais puro e uma existência mais saudável.

Dicas para afastar esse portador tóxico da sua vida:

. Jamais chame a atenção verbalmente daquele que o(a) importuna. O portador tóxico opera exclusivamente pelo sadismo (podendo ser estendido á uma conotação sexual, em alguns casos — confirmados pelo assédio quando há). Esse sadismo é que proporciona o prazer ao “portador tóxico”.

. Estabeleça apenas diálogos curtos, referente à atividade profissional / académica. Assim você começa a estabelecer um afastamento relacional.

. A ação em ignorar o portador tóxico, se faz veementemente necessária, pois você o (a) deixará em conflito, uma vez que o sadismo implementado na sua vida, não está repercutindo negativamente como o autor (a) gostaria.

.  Nunca entre em debate com ele (a), ao entrar em discussão você concede munição específica para esse portador tóxico miná-lo.

. Jamais comente da sua vida privada. A sua particularidade é uma prerrogativa pessoal só sua, não devendo ser a sua intimidade compartilhada.

. Bloqueie-o (a) de todas as suas mídias sociais. Esse corte virtual é fundamentalmente vital.

. Como usualmente o “portador tóxico”, age pelas ações sádicas, não permita ser afetado pelos seus comentários, preterindo-os por uma outra atividade que começar a fazer, como por ex. Colocar fones de ouvidos, ignorando o sujeito.

. Nunca se justifique de uma ação que fez a um amigo tóxico. Você não lhe deve satisfações. Até porque as opiniões dele, não lhes serão saudáveis.

 

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também

Leave a Comment