Museu Imperial apresenta programação especial para março com reabertura do Palácio e atividades virtuais

As ações on-line realizadas pelo Museu Imperial ao longo de 2020 somaram mais de 1 milhão de visualizações. Em 2021, a programação virtual continua. A partir de março, o MIMP promove diversas atividades em suas páginas na internet.

Há um ano, a visitação ao Complexo Museu Imperial foi suspensa. A equipe da instituição permaneceu a exercer suas funções de forma presencial e remota. As dependências do MIMP continuaram a receber manutenção e se intensificaram os atendimentos virtuais.

Os jardins, a loja, a cafeteria e o Pavilhão das Viaturas reabriram ao público neste mês de fevereiro. Para segurança dos visitantes e funcionários, ao entrar no Complexo é preciso passar por uma barreira sanitária, com aferição de temperatura. O uso de máscara é obrigatório. Totens de álcool em gel podem ser encontrados em diversos espaços, que são diariamente higienizados. É permitida a entrada de 150 visitantes simultaneamente. Os banheiros estão abertos, porém os bebedouros permanecem fechados.

A ala esquerda do Palácio Imperial de Petrópolis estará disponível para visitação a partir do próximo dia 16 de março, aniversário da cidade. Em breve, serão divulgados os protocolos para visitação ao Palácio.

ATIVIDADES VIRTUAIS

As ações on-line realizadas pelo Museu Imperial ao longo de 2020 somaram mais de 1 milhão de visualizações. Em 2021, a programação virtual continua. A partir de março, o MIMP promove diversas atividades em suas páginas na internet.

“Usos esquecidos, objetos preservados” – segundas-feiras e quartas-feiras, às 10h.

No dia 1º de março, estreia a segunda temporada do projeto “Usos esquecidos, objetos preservados”, produzido pelos Núcleos de Acervo Museológico e Comunicação. A primeira temporada, publicada em novembro de 2020, atingiu mais de 150 mil visualizações. A série aborda itens curiosos do acervo do Museu Imperial.

A cada segunda-feira é proposto um novo desafio aos seguidores da instituição, trazendo a pergunta: “Você sabe que objeto é este?”. As respostas vêm às quartas-feiras, acompanhadas de vídeos com a participação da museóloga Ana Luísa Camargo. A veiculação dos conteúdos acontece às 10h, nas redes sociais e no site do MIMP.

Serão apresentados cinco objetos nesta temporada. A novidade, é que além de mostrar curiosidades, os vídeos trarão informações técnicas da museologia.

¨6 semanas de conservação preventiva” – terças-feiras e quintas-feiras, às 10h.

A partir do dia 2 de março, a série “6 Semanas de Conservação Preventiva” traz dicas de como conservar documentos e livros.

O projeto é composto por 12 vídeos, produzidos pelo Laboratório de Conservação e Restauração do Museu Imperial, e explora os acervos do Arquivo Histórico e Biblioteca da instituição.

Os episódios serão disponibilizados às terças e quintas, às 10h, no canal do Youtube e no perfil do Instagram do Museu Imperial.

“Memória Institucional” – quintas-feiras, às 12h.

Já é tradição nas redes sociais compartilhar fotos nostálgicas às quintas-feiras. Pensando nisso, a equipe do Núcleo de Comunicação do Museu Imperial desenvolve o projeto “Memória Institucional”.

A partir de 4 de março, através de fotos e depoimentos que serão divulgados nas páginas do MIMP no Instagram e Facebook, a série relembrará grandes momentos da instituição, que completa 81 anos de criação no próximo dia 29 de março.

“Hora do Conto” da Biblioteca Rocambole – sextas-feiras, às 10h.

Para as crianças, a “Hora do Conto” no blog da Biblioteca Rocambole, com a participação do pedagogo Renato Lins, será veiculada às sextas-feiras, a partir das 10h. Os vídeos retornarão no dia 5 de março.

A Biblioteca Rocambole é a biblioteca infantil do Museu Imperial, e recebe esse nome em homenagem ao cachorro da princesa d. Isabel.

“O Acervo do Museu Imperial me contou…” – 18 de março, quinta-feira, às 16h.

Sucesso em 2020 com a série de lives “Anuário do Museu Imperial – debates”, a Área de Pesquisa do MIMP, composta por Alessandra Fraguas e Leandro Garcia, continuará produzindo transmissões neste ano.

“O acervo do Museu Imperial me contou…” tem o objetivo de promover encontros virtuais com os pesquisadores que utilizaram o acervo da instituição como fonte para os seus trabalhos.

A primeira transmissão de 2021 acontecerá no dia 18 de março, às 16h, no canal do MIMP no Youtube.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também