Imagem: Reprodução

Município do Rio deve começar a vacinar população ainda neste mês de janeiro

A cidade também abrirá 343 leitos e dará transparência às taxas de ocupação de hospitais.

No terceiro dia da nova gestão, a secretaria municipal de Saúde apresentou o plano de enfrentamento à Covid-19. A expectativa é começar a vacinação ainda este mês.

O cronograma exato e a vacina escolhida serão estabelecidos a partir do Plano Nacional de Imunização, a ser divulgado nesta segunda-feira (4).

“Contaremos com a estrutura das Clínicas da Família para garantir 450 pontos de vacinação em toda a cidade. Mais de 10 mil profissionais do município participarão da operação, que acontecerá em conjunto com a secretaria estadual de Saúde e com o ministério da Saúde”, informou o executivo.

A Prefeitura do município do Rio de Janeiro e o Governo do Estado investirão na testagem e no rastreamento de casos para conter a pandemia com agilidade, inteligência e tecnologia. De acordo com as autoridades, serão disponibilizados insumos em todas as unidades de saúde da cidade para garantir 1,5 mil testes diários. Os exames poderão ser agendados online ou por telefone na Central 1746. Através do app Rio Covid-19, disponível para celulares a partir de hoje, cidadãos poderão fazer a auto notificação da doença. Os dados serão usados para rastreamento e georreferenciamento de casos. A cidade também abrirá 343 leitos e dará transparência às taxas de ocupação de hospitais.

O secretário municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, alegou que aguarda uma definição exata da data, porém ele deixou escapar que “com certeza nós começamos a vacinar este mês”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também