Morreu na manhã desta quarta-feira (10) no Rio de Janeiro o jornalista Paulo Henrique Amorim. Ele trabalhou em diversas redações, inclusive na Globo.

Seu último emprego foi na TV Record, mas estava fora do ar desde o mês passado, quando foi afastado do programa Domingo Espetacular. O jornalista morreu de enfarte na capital fluminense.

Paulo Henrique Amorim deixou a Globo em 1996 e foi para a TV Band, onde apresentou o “Jornal da Band” e o programa “Fogo Cruzado”. Em 2003, o jornalista foi contratado pela Record, onde apresentou o “Jornal da Record 2ª Edição”. Lá, ele também ajudou a criar o programa “Tudo a Ver”. Em 2005, assumiu a apresentação do “Domingo Espetacular”, onde ficou até junho deste ano. Na Internet, Paulo Henrique Amorim mantinha o site “Conversa Afiada”, onde falava sobre a política nacional.