Morre aos 56 anos o baixista carioca Arthur Maia

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Arthur Maia (9 de abril de 1962 – 15 de dezembro de 2018) saiu de cena no fim da manhã de hoje, aos 56 anos, mas fica na história da música brasileira como um dos maiores baixistas do país, capaz de ir do jazz ao funk com a mesma habilidade.

Arthur Maia foi um músico excepcional nascido na cidade do Rio de Janeiro (RJ), mas associado à cidade fluminense de Niterói (RJ), onde morou, onde atuou como secretário de cultura e onde morreu inesperadamente, vítima de parada cardíaca.

Foi do tio, o também baixista Luizão Maia (1949 – 2005), que Arthur ganhou na adolescência o baixo elétrico que daria o tom do artista nos bailes da vida.

Aos 17 anos, Arthur iniciou a carreira profissional nesses bailes, absorvendo a influência do som black Rio que pautou grande parte da discografia do baixista como solista e como músico acompanhante.

Fonte: Pop & Arte

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.