Foto: Arquivo/Agência O Globo

Morre a astróloga e radialista Zora Yonara, aos 91 anos

Ela sofria de Mal de Alzheimer

Morreu na tarde desta nesta sexta-feira (11) Zora Yonara, astróloga que ganhou popularidade no programa de rádio “Show do Antonio Carlos”. Ela tinha 91 anos e sofria de Mal de Alzheimer. De acordo com primeiras informações, a causa da morte seria pneumonia.

Nascida Creusa Gramacho Carosella, em Vitória (ES), ela era radialista, radioatriz e astróloga. Iniciou a carreira ainda jovem em rádios do Espírito Santo, produzindo programas e participando de radionovelas, como “Minha vida é assim”. Após cursar Astrologia, começou a apresentar-se na rádio como astróloga, e o sucesso chegou quando começou a trabalhar na Rede Globo, no programa “TV Mulher”, em 1982.

A Astrologia surgiu por acaso, quando ela teve de substituir um astrólogo que faltou ao trabalho na Rádio Globo, e o radialista Mário Luiz pediu para ela ler no ar o horóscopo que o astrólogo tinha feito. Zora foi até a Itália, o Egito e outros países atrás de conhecimento, livros e formação sobre os astros.

Posteriormente, passou a ter um quadro no “Show do Antônio Carlos”, em que transmitia aos ouvintes informações sobre Astrologia e autoajuda. Em 2012, foi citada na letra do samba-enredo da escola de samba Acadêmicos de Santa Cruz, que homenageava o programa de rádio.

Em 2018, ela completou 60 anos de carreira, mas não revelava a sua data certa de nascimento. Zora era viúva do italiano Bruno Carosella, morto em 1998.

Fonte: Extra

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também