Moradores do Floresta voltam a denunciar cães abandonados nas ruas

O problema acontece, principalmente, entre a Igreja Menino Jesus de Praga e a Escola Municipal Professor Joaquim Deister.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Os moradores do bairro Floresta voltaram a denunciar a quantidade de cachorros soltos em via pública, que estão atacando populares que passam pela Rua Doutor João Glass Veiga. O problema acontece, principalmente, entre a Igreja Menino Jesus de Praga e a Escola Municipal Professor Joaquim Deister.

Os ataques contra pedestres acontecem a todo o momento, atingindo, inclusive, as crianças que passam pela via. “Já denunciamos o problema anteriormente. Os donos prenderam os animais por uma semana, após a repercussão da matéria. Todos os cachorros já estão soltos novamente nas ruas”, contou um morador da região, que preferiu não ter a identidade revelada.

O Cobea já está ciente do problema, entretanto a cidade não conta com um abrigo público de animais para recolher os mesmos. Os tutores dos animais são pessoas carentes e doentes e estão fazendo uma vaquinha para cercar o terreno e impedir que os cães fujam. Eles também têm dificuldades na alimentação e trato veterinário dos bichinhos e aceitam ajuda.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.