Um jovem de apenas 17 anos foi assassinado a tiros na presença de sua mãe, na manhã desta segunda (01), durante uma operação da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) no Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio de Janeiro, capital. O “Coletivo Papo Reto”, grupo de comunicação comunitária, publicou no Facebook que o rapaz estava próximo de casa, na localidade conhecida como “Predinhos da Sem Saída”.

Segundo o comando da UPP Nova Brasília, policiais militares em ronda pela comunidade foram recebidos a tiros na localidade, ocasionando uma intensa troca de tiros. Após o fim do tiroteio, uma pessoa do sexo masculino foi encontrada ferida e morta.

“Nas proximidades do corpo havia um artefato explosivo de fabricação caseira”, disse a corporação na nota. A Delegacia de Homicídios (DH) da Capital foi acionada para realizar a perícia, mas até o momento não foi informada de onde saiu a bala que atingiu a vítima.

Mais troca de tiros…

Moradores também relataram um intenso tiroteio nas comunidades do Complexo do Alemão nesta manhã. De acordo com a PM, agentes do Comando de Polícia Pacificadora (UPP) realizaram uma operação nos morros do Adeus e da Baiana.

Segundo a Unidade, equipes foram recebidas a tiros na comunidade do Adeus e um suspeito ficou ferido e foi socorrido para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha. Até o momento, não há informações sobre seu estado de saúde.

Na ação que começou por volta das 5h30, foi apreendida uma pistola. Um carro blindado participou da operação.

Por: Redação Portal Giro

 

Fonte: O DIA