Local onde houve queda de muro em 2015 coloca em risco moradores que trafegam pela Estrada do Cascatinha Depois que o muro caiu, a parede nunca mais foi refeita, o que tem deixado a população em situação de risco.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Há qualquer momento uma barreira pode vir abaixo e interditar a Estrada do Cascatinha, no trecho próximo da curva que fica depois da ponte do Palhoça. O local onde antes havia uma parede construída com pneus, ficou exposto após a queda deste muro, desabamento este ocorrido no ano de 2015.

Segundo moradores da região, o muro, que está localizado em uma propriedade particular, foi modificado pelo proprietário do imóvel. Inicialmente ele era construído com pedras centenárias, mas o homem o teria modificado trocando as pedras por pneus.

Ele substituiu as pedras que compunham este muro, que eram centenárias, por pneus, pra você ver o nível da loucura do ser humano. Aí, o que aconteceu, ele encheu esses pneus com terra, simplesmente encheu de terra e isso cedeu e caiu lá embaixo”, disse um morador que pediu para não ser identificado.

Os vizinhos acusam o proprietário da residência de ter causado o desabamento. Ele teria criado a instabilidade na encosta em decorrência da substituição do material (trocou as pedras por pneus), material este inadequado para o tipo de construção.

Na ocasião da queda do muro, um veículo – Ford Ka 2008, de cor preta -, que passava pela rua, foi atingido e ficou parcialmente destruído, mas apesar da gravidade do acidente, ninguém ficou ferido.

Depois que o muro caiu, a parede nunca mais foi refeita, o que tem deixado a população em situação de risco. Ainda de acordo com a denúncia, pedras despencam da barreira constantemente e o barranco corre o risco de descer e atingir quem estiver passando pelo local. Além do risco para a integridade física dos moradores e transeuntes, outra preocupação é a interdição da via, o que causará transtornos para a comunidade.

A princípio, todo dia cai uma pedra lá na rua, uma pedra dessa grande, ela rola. Todo dia cai uma pedra alí, tem vezes que cai em um carro e o pessoal sobe pra ver se alguém jogou…”, reclama o morador.

Em nota, a Prefeitura de Petrópolis informou que enviará uma equipe da Defesa Civil para avaliar a situação no local. “Uma equipe da Defesa Civil vai realizar uma vistoria na localidade“.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.