Reprodução/TV Globo

Justiça cassa liminar e autoriza tomógrafo na Igreja Universal da Rocinha

Desembargador Rogerio de Oliveira Souza acatou o pedido da Procuradoria-geral do município do Rio que alegou que estudos técnicos apontaram que o único local onde seria viável a instalação de tomógrafo e enfermaria com 24 leitos seria o terreno da IURD
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Uma decisão no plantão judiciário de sexta-feira (15), autoriza a continuidade da implantação de um tomógrafo no estacionamento da Igreja Universal do Reino de Deus da Rocinha, Zona Sul do Rio.

O desembargador Rogerio de Oliveira Souza acatou o pedido da Procuradoria-geral do município do Rio que alegou que estudos técnicos apontaram que o único local onde seria viável a instalação de tomógrafo e enfermaria com 24 leitos na comunidade da Rocinha seria o terreno composto pelo estacionamento e quadra esportiva da Igreja Universal daquela localidade em razão de suas dimensões e do fácil acesso a veículos de qualquer porte.

A Prefeitura alega a impossibilidade de instalação do tomógrafo na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Rocinha, na quadra da escola de samba ou no centro esportivo devido à dificuldade de acesso de veículos, ao peso do equipamento e à necessidade de adequação da rede elétrica, além de resultar na interrupção dos atendimentos, no caso da UPA.

O desembargador destacou a “imperiosa necessidade de enfrentar com celeridade os efeitos da pandemia da covid-19” para cassar a decisão anterior da Justiça de interromper a instalação de tomógrafo na Igreja Universal do Reino de Deus.

Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) instaurou, na terça-feira (12), um Procedimento Preparatório Eleitoral para apurar informações sobre possível abuso de poder político e econômico da Prefeitura do Rio ao instalar um tomógrafo em uma igreja localizada na comunidade da Rocinha, apesar de haver, no local, uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e um Centro Municipal de Cidadania que poderiam receber o equipamento. Os fatos foram noticiados ao MP pela vereadora Teresa Bergher, por meio de uma representação.

Fonte: O Dia

Crédito da foto: Reprodução/TV Globo

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Maligno e A Casa Sombria estreiam nesta quinta-feira na Rede Cinemaxx Petrópolis

Tomar a vacina contra a Covid-19 é uma demonstração de amor e cuidado consigo e com o próximo. Para incentivar, cada vez mais, as pessoas a se vacinarem, a Rede Cinemaxx traz promoções especiais. Quem apresentar a carteira de vacinação, na bilheteria de qualquer uma das unidades da Rede Cinemaxx, comprovando que tomou uma ou duas doses da vacina, vai ganhar um presente especial do Cinemaxx.

Comentários estão fechados.