A Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) afirmou que João de Deus teve um sangramento na região abdominal, e a equipe médica decidiu encaminhá-lo a uma unidade de saúde para realização de exames.

João de Deus está detido no Núcleo de Custódia, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, após denúncias de abuso sexual.

O médium, que nega as acusações, está preso desde o dia 16 de dezembro de 2018, após se entregar em Abadiânia, no Entorno do DF.

Segundo informações, ele passou a virada do ano no presídio, onde recebeu uma “refeição normal”, ao lado de outros quatro presos com quem divide cela, assim como no Natal.

Crédito da foto: Reuters