Estão abertas as inscrições para o curso de formação de árbitros e apontadores de vôlei, promovido pela Liga Petropolitana de Desportos (LPD) em parceria com a prefeitura. As aulas acontecem aos sábados e domingos, entre os dias 7 e 22 de abril, no Centro Cultural e Esportivo Fábrica do Saber, na Estrada da Saudade. Os interessados podem fazer o cadastro na sede da LPD, na Rua 16 de Março, nº 39, sala 105, de segunda até sexta-feira, das 15h às 19h. O custo do curso é de R$ 240 e pode ser parcelado em três vezes. Estudantes pagam R$ 210.

O curso será ministrado por árbitros federados do Rio de Janeiro, que irão apresentar todas as informações necessárias para que um jogo aconteça conforme as regras oficiais. Segundo Geraldo Barros, presidente da Liga, o projeto faz parte da programação do centenário da LPD. “Estamos trabalhando para oferecer o máximo de atividades relacionadas ao esporte na cidade. É importante que a Liga seja um espelho para todos”, disse.

De acordo com a nova diretora de vôlei da LPD, Márcia Verônica Ferreira, além da formação de novos de árbitros o curso será uma oportunidade de trabalho para os estudantes de Educação Física. “Eu espero através da capacitação de novos árbitros estar contribuindo para um novo mercado de trabalho, principalmente, para os estudantes de Educação Física. Dar qualidade no serviço a ser prestado e que a prática do voleibol cresça cada vez mais em Petrópolis”, afirmou.

O superintendente de Esportes e Lazer da cidade, Hingo Hammes, destaca o apoio da prefeitura aos projetos da Liga Petropolitana de Desportos com o objetivo de fomentar o esporte na cidade. Ele lembra que uma equipe da LPD de vôlei também treina na Fábrica do Saber.

“A iniciativa da LPD vai ao encontro do nosso objetivo, que é oferecer mais atividades físicas para a população, começando com as crianças e adolescentes. O suporte da prefeitura mostra que acreditamos no potencial dos atletas de Petrópolis”, garante Hingo, lembrando ainda que a Fábrica do Saber conta também com um núcleo oficial da escolinha de basquete do Flamengo, inaugurado pelo prefeito Bernardo Rossi em abril do ano passado.

“A escolinha do Flamengo é gratuita e atende 100 jovens da cidade. Para quem desejar participar, ainda tem vaga em aberto. Desde o início da nossa gestão, trabalhamos para oferecer as mais diversas modalidades para os petropolitanos”, completa Hingo.

Fonte: Prefeitura de Petrópolis