Hospital Santa Mônica emite nota esclarecendo seu funcionamento no combate à pandemia e divulga balanço

O esclarecimento veio após uma informação divulgada de que o hospital não se adequava às exigências.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Hospital Santa Mônica, que recebeu pacientes internados com Covid-19 divulgou nota neste sábado (29) falando sobre as reformas que estão sendo feitas para a modernização do local. O esclarecimento veio após uma informação divulgada de que o hospital não se adequava às exigências.


Na nota, a unidade afirma que as reformas buscam modernizar o espaço e transformá-lo em uma clínica médica, com cuidados prolongados, além do já existente serviço de psiquiatria. Esse feito aumenta o número de leitos disponíveis pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Petrópolis.


Em março, quando a primeira ala ficou completamente pronta, a Prefeitura de Petrópolis passou a administrar a unidade hospitalar para usufruir dos equipamentos e instalações, buscando otimizar o combate à pandemia.
Em números, o hospital, em dois meses, de 23 de março a 23 de maio, recebeu 229 pacientes para internação, destes, 19 foram redirecionados para outras unidades, outros 19 voltaram a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), três morreram e 189 receberam alta.O Hospital Santa Mônica ainda afirma que as adequações necessárias pela exigência das autoridades responsáveis foram alcançadas quase totalmente nos últimos dois meses, quando foi necessário funcionar em meio às obras para atender a demanda de pacientes. Tudo isso com a permissão por um Termo de Ajustamento de Conduta firmado com a Vigilância Sanitária do Estado do Rio de Janeiro.


O hospital finaliza a nota dizendo que “Prestados esses esclarecimentos, espera o Hospital Santa Mônica que a população petropolitana, bem-informada e consciente da realidade, possa enfrentar a Pandemia de COVID-19 de forma mais eficaz, contando com a ajuda de nossa Instituição e dos eficientes e dedicados profissionais que colaboram e lutam diariamente para salvar vidas.Vale ressaltar que tal medida administrativa da Prefeitura Municipal de Petrópolis, em meio a Pandemia, veio com principal objetivo de salvar vidas como determina nossa Constituição Federal, além da geração mais de 40 empregos diretos e indiretos de profissionais ligados ao Sistema de Saúde. Continuamos assim com o nosso propósito de em um curto espaço de tempo, disponibilizar à nossa querida Cidade Imperial, mais uma rejuvenescida Unidade Hospitalar.”

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.