Hospital do Coração será construído em Duque de Caxias

Na unidade de saúde, o governador Cláudio Castro anunciou o investimento de cerca de R$ 30 milhões e ressaltou os esforços em levar o progresso a todos os municípios do Rio.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O governador Cláudio Castro esteve no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, nesta sexta-feira (27), e lançou obras nas áreas da saúde, infraestrutura e urbanismo. Entre elas, estão a construção do Hospital do Coração onde hoje funciona o Hospital Municipal São José, na Vila Flávia a segunda fase das intervenções no Canal Caboclo e um novo conjunto habitacional na Comunidade Parque Vila Nova, que terá 423 unidades habitacionais.

De acordo com o Governo do Estado, no Hospital do Coração, a população fluminense vai ter acesso ao que há de mais moderno em tecnologia e equipamentos para o tratamento de doenças cardiovasculares. O prédio, inicialmente estruturado para atender pacientes contaminados pela Covid-19, será reformado. O projeto contempla ainda a construção, ao lado do prédio atual, de um grande bloco cirúrgico e de Centros de Terapia Intensiva.

Na unidade de saúde, o governador Cláudio Castro anunciou o investimento de cerca de R$ 30 milhões e ressaltou os esforços em levar o progresso a todos os municípios do Rio.

– Temos trabalhado por cada município do Rio de Janeiro. Em parceria com as prefeituras temos feito muito pela população. Quando venho a Duque de Caxias e vejo o poder transformador que estamos trazendo para esta cidade, sei que estamos no caminho certo.  Este hospital será um grande equipamento para a população da Baixada, será o maior do Rio de Janeiro – afirmou o governador.

No centro do município, o governador Cláudio Castro lançou a segunda fase das obras no Canal Caboclo, uma das maiores obras de infraestrutura da Baixada Fluminense. Com recursos dos governos estadual e federal, a Secretaria Municipal de Obras e Defesa Civil está canalizando 2.260 metros do Canal Caboclo, no trecho da Linha Vermelha até o bairro Trezentos, na divisa com São João de Meriti. Nesta segunda fase serão 1.300 metros canalizados. O valor estimado é de aproximadamente R$ 52 milhões, por meio do Programa Governo Presente nas Cidades.

Já na Comunidade Parque Vila Nova, o governador deu início às obras de construção de um novo conjunto residencial. Serão erguidos três blocos de prédios com 12 pavimentos cada, sendo divididos em dois blocos exclusivamente residenciais e um de uso misto, com pavimento térreo voltado para a atividade comercial.

– Estamos devolvendo a dignidade das pessoas e construindo um futuro digno para a população de Duque de Caxias. Fiz um levantamento de quanto temos investido na cidade e, só no Pacto RJ em Caxias, investimos R$ 1 bilhão. Recuperamos a credibilidade e o respeito – ressaltou o governador.

No local serão construídas 423 unidades habitacionais com áreas internas de aproximadamente 50m², sendo 12 unidades adaptadas para pessoas com deficiência e 12 lojas com aproximadamente 25 m². Os três blocos contarão com elevadores e áreas de uso comum.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.