Homem é preso por estuprar 3 filhas e 2 enteadas Homem, de 33 anos, estuprava as duas enteadas, de 13 e 15 anos, além das três filhas de 3, 4 e 6 anos

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Um homem foi preso suspeito de ter estuprado as três filhas dele e as duas enteadas, na zona rural de Cuiabá. Segundo a Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica), os abusos ocorriam há alguns meses e foram denunciados pela mulher dele, que também sofria agressões e ameaças. A prisão ocorreu na quarta-feira (20) e foi divulgada na última quinta-feira (21).

A família mora no Loteamento Bandeira, zona rural da capital mato-grossense. De acordo com a Deddica, o suspeito, de 33 anos, foi encaminhado para audiência de custódia e teve a prisão mantida pela Justiça.

A mãe das cinco vítimas procurou a polícia para denunciar que o marido abusava das filhas: duas adolescentes, de 13 e 15 anos, que são de um relacionamento anterior da mulher com outro homem, e das três filhas em comum, de 3, 4 e 6 anos. A mulher disse aos policiais que convive há seis anos com o suspeito e que tentava se separar, mas era ameaçada de morte.

Toda a situação era conhecida por moradores da zona rural. A mulher também detalhou que o companheiro a tratava com agressividade e muitos xingamentos, todos presenciados pelas filhas.

Ainda, ela disse que passou desconfiar que o suspeito abusava sexualmente das filhas, praticando atos libidinosos como carícias nas partes íntimas das adolescentes. Para confirmar essas suspeitas ela usou um celular para gravar os abusos.

A filha mais velha de 15 anos confirmou que era abusada e declarou que foi ameaçada com uma faca e obrigada a praticar atos sexuais com o suspeito. O inquérito policial deve ser finalizado em 10 dias.

A Deddica deve enviar uma cópia do boletim de ocorrência para a Delegacia da Mulher em relação à mulher do suspeito, já que ela também sofria agressões.

 

Fonte: SBC Brasil

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.