Um jovem brasileiro, de 21 anos, foi atacado, na madrugada deste sábado (27), enquanto tentava atravessar a fronteira entre a Guiana e o Brasil. Ele recebeu uma flechada que ficou cravada no pescoço e conseguiu fugir do ataque e procurar por socorro médico em Bonfim, cidade brasileira ao Norte de Roraima.

Segundo a Polícia Militar, o rapaz estava em uma festa na cidade de Lethem, na Guiana, cidade que é separada de Bonfim pelo Rio Tacutu. Todas as noites a fronteira entre a Guiana e o Brasil é fechada, mas apesar do bloqueio, o jovem tentou atravessar utilizando uma ponte que liga os dois países. Ele foi atingido por uma das duas flechas que foram disparadas contra o jovem.

A polícia de Bonfim confirmou que foram disparadas duas flechas, mas somente uma delas atingiu o homem. Para a PM, o brasileiro disse que não soube identificar a origem do ataque.

Depois de receber atendimento médico, a vítima foi transferida para o Hospital Geral de Roraima, em Boa Vista, distante 125 km do pronto socorro onde recebeu os primeiros socorros. Segundo o Governo do Estado de Roraima, o jovem já passou por exame radiológico e procedimento cirúrgico. A flecha foi retirada do pescoço do rapaz e ele segue em observação.

Crédito da foto: Reprodução da internet