Por Guilherme Nascimento Oliveira

 

O Grande prêmio do Japão, disputado na madrugada de hoje, consagrou o piloto inglês Lewis Hamilton, como vencedor, largando na frente ele disparou a frente logo na largada, não dando chances ao seu principal rival pela taça deste ano, o alemão Sebastian Vettel, que abandonou poucas voltas depois com um problema na vela de ignição, aliviando ainda mais o líder do campeonato.

Os carros da Red Bull Renault , guiados por Verstappen e Ricciardo tiveram um ritmo muito bom, dificultando a vida da equipe Mercedes durante a prova, com isso a vitória de Hamilton foi ameaçada por Verstappen que tentava sua terceira vitória na temporada, no entanto, o companheiro de Hamilton, Valteri Bottas, estrategicamente formou um escudo e cedeu posição ao seu companheiro de equipe, que disparou a frente após ter feito uma parada nos boxes, o piloto finlandês tinha ritmo mais lento em função de ter demorado a parar para trocar pneus e pela maior velocidade nas retes proporcionadas pelo motor Mercedes, os carros taurinos tinham dificuldade para passar por ele.

Esse tempo perdido pelos carros da equipe austríaca ajudaram na conquista de Lewis, que abriu 59 pontos de vantagem para Vettel, dependendo da combinação de resultados da próxima corrida, ele já pode sair dos Estados Unidos campeão mundial de Fórmula 1, pela quarta vez, a terceira em 4 anos,  para o piloto alemão, além de vencer todas as provas, teria que contar com abandonos do seu rival, para voltar a ser competitivo no mundial, a final ainda pode ser trazida para o GP do Brasil, que será realizado em novembro, no autódromo de Interlagos.

 

Sobre Guilherme Nascimento Oliveira

Guilherme Oliveira é o mais recente colaborador do Portal Giro, graduando em História na UNIRIO, foi atleta, jogador de futebol no Petropolitano Foot-Ball Club, no atua com mídia esportiva desde 2013, é repórter e comentarista de esportes diversos, principalmente no futebol e no automobilismo.