H1N1 mata duas pessoas em Petrópolis

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

De 29 casos suspeitos registrados, 21 já foram descartados e outros seis aguardam resultados.

Foi divulgado na noite da última segunda-feira (27), a morte de duas pessoas vítimas da Gripe H1N1 em Petrópolis. Segundo o a Secretaria Municipal de Saúde, as vítimas foram dois homens de 58 e 59 anos, suas identidades e o local onde moravam não foram divulgados. Ao todo, foram registrados na cidade 29 casos suspeitos da doença, sendo que 21 já foram descartados e outros seis ainda aguardam resultado, de acordo com informações do Órgão.

O Prefeito Bernardo Rossi destaca que “a situação é muito grave e é  importante que as pessoas se conscientizem da importância do cuidado preventivo que é oferecido nessa época”.

De acordo com dados levantados pela Coordenadoria de Epidemiologia, o nível de vacinação contra o vírus da Gripe está muito baixo, cerca de 46% das crianças foram vacinadas. Sendo assim, o baixo índice de imunização contribui para o surgimento de mais casos na cidade. O baixo índice também é notado entre os outros grupos de risco, 52% entre gestantes, 53% entre pessoas com doenças crônicas e 67% entre os idosos. O maior índice alcançado está entre as mulheres que se encontram nos primeiros 45 dias de parto, cerca de 72%.

Em pesquisa em alguns postos de saúde da cidade, foi percebido a falta da vacina contra H1N1, de acordo com os responsáveis um dos motivos é a grande procura, ainda mais depois da divulgação das mortes na segunda. Em um PS da região do Quitandinha, 2350 doses foram entregues e aplicadas, Ainda segundo as técnicas de saúde do posto eles recebem cerca de 400 a 500 doses, que dependendo da demanda são esgotadas em 3 dias. Hoje por exemplo foram aplicadas quase 70 doses, em uma média de 100 por dia.

A campanha de vacinação, mesmo em postos de bairro é para todos que necessitarem tomar a vacina, não é exclusivamente para os moradores da comunidade. Para vacinar, caso não tenha o cartão de vacinação, é necessário um documento de identificação. Se já tiver tomado a vacina neste ano, não é preciso tomar a segunda dose, uma vez que a campanha é em dose única.

Um dado relevante é que quando surgiu o vírus a procura pela vacina era bem maior e hoje em dia se nota claramente que vem caindo cada dia mais, uma vez que existe um certo grupo para se vacinar. Ainda assim, pessoas que não pertencem ao grupo de risco querem se vacinar e de acordo com a técnica do PS, se a vacina fosse liberada para toda a população, a procura ia ser muito maior.

A importância da população se conscientizar da vacinação, influencia no combate a vários tipos de vírus. A vacina Influenza trivalente é contra dois tipos de Influenza A (H1N1 e H3N2) e um tipo de Influenza B, que é o mais forte e o que pode levar a óbito. A Secretária de Saúde, Fabíola Heck enfatiza que é muito importante que a imunização da população seja feita, principalmente entre crianças e idosos e incentiva a todos a procurar os postos de saúde do município para que não haja um agravamento das doenças respiratórias.

A campanha que se encerraria no próximo dia 31 de maio permanecerá até 15 de junho em todo o estado do Rio de Janeiro, uma vez que a Superintendência de Vigilância Epidemiológica da SES informou que em 2018, foram notificados 233 casos de influenza, com 30 óbitos. Só este ano, foram notificados 77 casos, com 18 óbitos. Em nível Nacional, o estado do Rio é o que menos se vacinou para a contenção da Gripe. Segundo o Ministério da Saúde, o Estado registra apenas 54,5% de cobertura do público alvo, é o menor número de imunização do país.

Com o novo prazo para a população se vacinar, estima-se que até o dia 15 de junho, 4,9 milhões de pessoas sejam imunizadas, ou seja, um percentual de 90%.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.