A Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) inicia a Operação Verão 2017-2018 neste sábado, dia 30, para promover ações de ordenamento urbano e de trânsito e coibir pequenos delitos na orla das zonas Sul e Oeste da cidade. A instituição dará continuidade ao Plano de Prevenção Contra Pequenos Delitos e Arrastões nas Praias, elaborado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) no início do ano, agindo de forma integrada com a Polícia Militar e as secretarias municipais de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH) e de Transportes (SMTR), com ações preventivas que visam proporcionar maior sensação de segurança aos banhistas. Após a implantação do plano, no dia 16 de janeiro, não houve mais registros de arrastões nas praias.

As ações na orla da Zona Sul, que já são desempenhadas diariamente pelo Grupamento Especial de Praia (GEP), ainda contarão com reforço de equipes do Grupamento de Guardas Motociclistas (GGM), recriado em agosto, para realizar rondas preventivas e ostensivas, alinhadas a ações integradas de tecnologia com o recebimento de informações e imagens do Núcleo de Videopatrulhamento e da Assessoria de Inteligência da instituição.

  • Vamos repetir a fórmula que deu certo no último verão, quando conseguimos acabar com os arrastões. A integração entre as forças e os órgãos da Prefeitura, aliadas às ações de inteligência, estão cada vez mais presentes na nossa rotina e potencializam a pronta-resposta, atendendo às demandas e às necessidades da população – destaca a comandante da GM-Rio, inspetora geral Tatiana Mendes.

Serão empregados 381 guardas municipais, sendo 59 atuando exclusivamente nas ações de trânsito, nos finais de semana e feriados até o término da operação. Desse efetivo, 66 guardas reforçarão o patrulhamento nos Parques Madureira e Radical de Deodoro, que contam com piscinas abertas ao público e costumam receber grande público no período. Também será montada base avançada na Pedra do Arpoador, com efetivo de quatro guardas do Grupamento Especial de Praia (GEP), que atuarão das 10h às 20h, auxiliando nas ações de patrulhamento realizadas pelas equipes na faixa de areia.

⁠Videopatrulhamento e rádios na mesma frequência da PM – A operação repetirá a integração com a Polícia Militar por meio de radiocomunicação operando na mesma frequência. Além disso, os efetivos contarão com o suporte do Núcleo de Videopatrulhamento da GM-Rio, que utiliza 80 câmeras do Centro de Operações Rio (COR), redirecionadas para reproduzir imagens do calçadão e da faixa de areia. Flagrantes de crimes são enviados para as equipes que atuam na orla e cedidas à Polícia Civil, para auxiliar no registro de ocorrências nas delegacias.

Trânsito – Além do patrulhamento na orla das zonas Sul e Oeste, a Subdiretoria de Trânsito da GM-Rio também contará com efetivo em pontos estratégicos da cidade, em locais com grande movimentação de pessoas durante o verão, como a Cachoeira do Horto, Parque dos Patins, Estrada das Canoas, Pedra Bonita e Vista Chinesa. Na orla e nos demais pontos, os guardas atuarão para garantir a fluidez do trânsito, orientar sobre o estacionamento em locais permitidos e também a travessia de pedestres e coibir irregularidades. As equipes da GM-Rio também poderão efetuar bloqueios de vias e realizar demais ações para melhorar a fluidez e ordenar o estacionamento em áreas públicas.

Novo uniforme na areia – Desde o dia 5 de agosto, os guardas municipais do GEP estão usando novo uniforme, nas cores azul e preta. A mudança foi realizada para dar mais visibilidade aos guardas que atuam na areia, facilitando a localização por banhistas. O GEP atua exclusivamente na faixa de areia de forma estratégica e especializada, tendo como foco a orientação de banhistas sobre as posturas municipais (como a proibição de cães na areia e de práticas esportivas em horário irregular) e a coibição de pequenos delitos, como roubos e furtos. A equipe também presta auxílio aos banhistas em casos de crianças perdidas, que costumam ser enviadas para as tendas operacionais. As tendas também passaram por reformulação no verão passado e já possuem a cor azul ampliando a visibilidade na areia.

Balanço da Operação Verão 2016-2017 – Nos seis meses da Operação Verão, divulgado em abril deste ano, a GM-Rio fez 5.045 registros, 3.283 relacionados ao Código de Posturas Municipal (1.437 de orientações sobre a proibição de cães na areia e 634 de prática esportiva, como frescobol e altinho), 704 foram de auxílio ao público, 416 envolveram o comércio ambulante nas praias, 276 registros de crianças perdidas e devolvidas aos pais, 230 sobre outras ações e 136 crimes em que os guardas atuaram com prisões na orla. Também no período, 563 crianças e adolescentes foram apreendidos em situações diversas, como em flagrante delito e em situação de vulnerabilidade, sendo encaminhados para delegacias, conselho tutelar e abrigos com o apoio de assistentes sociais da prefeitura.

 

Fonte: Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio)