Um homem foi preso na manhã desta terça-feira (30.10) pela Guarda Civil, após uma tentativa de assalto na Rua Souza Franco com esquina na Rua Santos Dumont, no Centro. Por mais um dia a Guarda efetua uma prisão em flagrante, o que confirma que a presença dos agentes contribui para a segurança da população em vários pontos da cidade. Na manhã de segunda-feira (29.10), um agente da Guarda Civil prendeu em flagrante um homem que tentou roubar o celular de um estudante na Rua Benjamim Constant.

A Guarda tem mantido uma rotina diária de 30 homens na rua para atuação no Centro e arredores. Além de 10 em atividade na 2ª Inspetoria, que atende os distritos. A Guarda coordena ainda o Centro Integrado de Operações de Petrópolis (Ciop), que já mantém 56 câmeras em funcionamento em tempo real.

“O município está com mais agentes nas ruas atuando de forma intensa por todas as regiões com o objetivo de contribuir a segurança à população. Temos a ação por monitoramento auxiliando toda a rede e cobrindo mais lugares simultaneamente. A intenção é que as pessoas tenham segurança e andem tranquilas pela cidade” destacou o prefeito Bernardo Rossi.

O suspeito tentou furtar uma mercearia da região e o proprietário do estabelecimento reagiu com luta corporal, com ajuda da população. No momento da tentativa de assalto, os agentes da Guarda Civil, Alexandre Ciscouto e Vanderlei Morais, que faziam ronda pelo local, interviram, dando voz de prisão ao homem, que agrediu os agentes, mas acabou sendo imobilizado e preso.

A Guarda Civil possui 210 agentes que se revezam dia e noite. A prefeitura realizou a manutenção da frota que atende a corporação, comprou equipamentos para a sede, está renovando os uniformes e vai conceder a incorporação do abono por atividade operacional ao salário dos guardas.

“É mais uma ação dos agentes durante um patrulhamento que já foi reforçado em todo Centro Histórico. Ontem atuamos em um flagrante e agora mais um. Com o investimento do município, a guarnição atua mais motivada e executando a segurança para população”, disse o comandante da Guarda Civil, Jeferson Calomeni

Os agentes encaminharam o agressor e o agredido para atendimento médico. O caso será registrado na 105ª Delegacia de Polícia.