A Escola Municipal Moyses Furtado Bravo deu início às aulas do Programa Promotores da Paz nesta segunda-feira (16.04). São 150 alunos de cinco turmas (três de oitavo ano e duas de nono) que tiveram contato com os agentes da Guarda Civil Augusto Carvalho e Paulo Renato de Oliveira. A chegada no colégio da Posse faz parte do planejamento de levar a atividade feita em conjunto com a Secretaria de Educação aos distritos.

Isso é possível graças à doação de um carro feito pelo prefeito Bernardo Rossi. Esse veículo serve para os deslocamentos dos instrutores entre as cinco escolas participantes.

“É a primeira vez em 10 anos de existência do Proppaz que o programa vai para os distritos e para escolas mais distantes da sede da Guarda. Isso só pode acontecer graças ao entendimento do prefeito Bernardo Rossi sobre a importância desse programa para todos os alunos participantes, que tornam propagadores da mensagem da paz”, diz o comandante da Guarda Civil, Jeferson Calomeni.

Neste semestre, as aulas já tiveram início na Comac – dentro do programa “Eu construo meu amanhã” –, na Augusto Pugnaloni (Itaipava) e na Hercílio Moretti. Na próxima quinta-feira (19.04), está previsto o começo do curso na Escola Municipal Monsenhor João de Deus Rodrigues, em Pedro do Rio.

Para a Escola Moyses Furtado Bravo, o Proppaz é mais uma atividade dentro do projeto “Pensando e agindo verde – Cidadania 365”, desenvolvido no primeiro bimestre. Só neste mês de abril, o colégio desenvolve atividades para marcar o Dia da Mentira (dia 1º), Dia Mundial da Saúde (07), Dia do Hino Nacional Brasileiro (13), Dia Nacional do Livro Infantil (18), Dia do Índio (19), Dia de Tiradentes (21) e Dia do Descobrimento do Brasil (22). Também foram feitas outras ações, como o Proerd (Programa de Educacional de Resistência às Drogas), realizado pela Polícia Militar, a Semana Literária e a ação “Cuidando da Saúde”.

“O Proppaz é importantíssimo para trazer temas e valores que precisam estar enraizados para a boa convivência em sociedade. O conhecimento desses valores na escola vai enriquecer muito para todos os alunos. Temos uma expectativa muito grande sobre o que pode gerar para eles. Nesse primeiro contato, vimos que eles estiveram muito interessados e participativos”, destaca a diretora a Moyses Furtado Bravo, Marta Maria Teixeira Morelli Rodrigues, que está à frente da escola desde 2012.

O programa é voltado para estudantes de 8º e 9º anos do ensino fundamental. O curso é dividido em três etapas. A primeira acontece em sala, quando os alunos aprendem noções de cidadania, valorização da família, cultura da paz, educação para o trânsito, prevenção ao uso de drogas e motivação. Depois acontecem os “Jogos Proppaz”, com a realização de atividades esportivas e lúdicas entre os jovens e os instrutores. Por fim, eles conhecem os trabalhos realizados no dia a dia pelos agentes na ação “Guarda por um dia”.