Agentes da Polícia Civil prenderam nesta terça-feira (4) suspeitos de praticarem o “golpe da panela”. O grupo atuava em Itaipava vendendo de porta em porta panelas antiaderente de uma marca famosa, no valor de aproximado de R$ 1,3 mil.

Segundo a delegada titular da 106ª DP, Juliana Ziehe, o grupo utilizava um carro modelo Hilux de cor Branca e parava em várias casas e comércios da região.

De acordo com as investigações, o grupo fazia demonstrações com a panela e conseguiam vender o produto. No entanto, quando o cliente entrava em casa e abria a caixa percebia que a panela entregue era de uma marca inferior e que custa cerca de R$ 100.

A delegada também informou que o golpe foi comunicado por uma vítima na 106ª DP, nesta terça-feira, e grupo foi preso em menos de 12 horas. Foram apreendidas panelas e máquinas de cartão de crédito.

O grupo ficou preso e foi autuado pelo crime de estelionato. Ao setor de Posturas da Prefeitura foi acionado para efetuar a autuação administrativa, pois o grupo não tinha autorização para vender os produtos.

Crédito da foto: Divulgação / Polícia Civil