Governo do Estado avança no projeto de recuperação da Serra Velha

Licitação para execução de serviço na RJ-107 é homologada

Após diversas ações de manutenção e de emergência, Petrópolis está mais próximo de enfim recuperar a RJ-107, conhecida como a Serra Velha. A licitação para execução do Projeto Básico de recuperação da via foi homologada pelo Governo do Estado, na última quarta-feira (13). O esforço para restauração e recuperação da Serra Velha foi uma das bandeiras defendidas pelo então prefeito Bernardo Rossi, que anunciou no último ano que o projeto final seria apoiado pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, devido a articulações políticas. A conclusão da licitação do Projeto Básico é prova do comprometimento do atual governador Cláudio Castro com a Região Serrana.

O processo publicado em Diário Oficial pela Secretaria de Estado de Cidades prevê a execução de serviços técnicos especializados visando à elaboração de Projeto Básico de Engenharia Rodoviária destinado à restauração e recuperação do pavimento, drenagem e OAC’s, sinalização horizontal e vertical, além da preservação do Patrimônio Histórico e Cultural na rodovia. O trecho contemplado será de 11,5 quilômetros, entre a fábrica de pólvora do Ministério do Exército e o conjunto residencial Grão Pará.

Deterioração da Serra Velha é reclamação de décadas dos moradores

Durante décadas, moradores da região acompanharam e sofreram com a deterioração total da RJ-107. As reclamações giram em torno principalmente do estado da pavimentação, que chegou a condições precárias e dificulta o tráfego de ônibus e demais veículos.

Nos últimos anos, a articulação política entre a prefeitura e o DER rendeu um trabalho conjunto para melhorar as condições da Serra Velha. O órgão estadual chegou a ceder 15 toneladas de asfalto para que o município realizasse o serviço na Lopes Trovão.

O avanço das etapas quanto à recuperação e restauração efetiva da via era uma demanda extremamente aguardada pela população pela esperança de sanar a necessidade constante de intervenções pontuais no local.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também