Governador de Nova York renuncia ao cargo após denúncias de assédio sexual

O governador do estado de Nova York, Andrew Cuomo, anunciou nesta terça-feira (10) que vai deixar o cargo após ter recebido várias denúncias de assédio sexual. Ele é acusado de assédio sexual e conduta imprópria por 11 mulheres, segundo investigação do escritório da procuradora-geral do estado, Letitia James.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O governador do estado de Nova York, Andrew Cuomo, anunciou nesta terça-feira (10) que vai deixar o cargo após ter recebido várias denúncias de assédio sexual. Ele é acusado de assédio sexual e conduta imprópria por 11 mulheres, segundo investigação do escritório da procuradora-geral do estado, Letitia James.

Cuomo fez um pronunciamento ao vivo em que nega qualquer intenção sexual nas suas condutas, mas assume “todas as responsabilidades.

Ele será substituído pela vice-governadora, Kathy Hochel, em uma transição que deve durar por volta de 14 dias.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.