“O bom filho a casa torna”. A frase pode estar batida, mas o coração do goleiro Célio Gabriel bate acelerado quando o assunto é o Bangu. O camisa 1 teve o retorno confirmado nas últimas semanas e não esconde o desejo de reiniciar os trabalhos com os companheiros na equipe da zona oeste carioca.

“O Bangu é um time muito importante na minha vida profissional. Aqui sou muito feliz! É a extensão da minha casa. Uma equipe que aprendi a amar e gostar de todos os funcionários. Sem falsa modéstia, quero ter meu nome marcado na história do clube e para isso se concretizar, é preciso estar presente em momentos marcantes, e ter números e conquistas expressivas”, declarou.

O arqueiro comemorou a chegada do técnico Alfredo Sampaio, comandante da equipe na grande campanha da Taça Guanabara deste ano.

“Eu fico feliz com o retorno do professor (Alfredo Sampaio). Fomos semifinalistas na Taça Guanabara e no geral o trabalho da comissão técnica foi muito produtivo. A experiência pode ser um diferencial competitivo, principalmente no início da competição, e o Alfredo junto com sua comissão conhece bem o campeonato ”, analisou.

Antenado as necessidades do clube, Célio Gabriel comentou sobre as metas do time para 2019.

“O objetivo no próximo ano é no mínimo melhorar a campanha do carioca e conquistar uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro, pois já passou da hora do Bangu voltar ao cenário nacional”, concluiu.

Agendada inicialmente para ontem (19), a reapresentação do Bangu visando a temporada 2019 foi adiada e começa nesta quarta (21), na Comissão de Desportos da Aeronáutica, em Sulacap.

Crédito da foto: João Carlos Gomes | BAC