Reprodução da internet

Geraldo Pereira é homenageado pela Velha Guarda da Mangueira em Petrópolis O evento será realizado no dia 7 de novembro no Theatro D. Pedro

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Velha Guarda da Mangueira homenageia o sambista Geraldo Pereira, que completaria 100 anos em 2018, e comemora o Dia Nacional do Samba. O evento será realizado no próximo dia 7 de novembro, a partir das 20h, no tradicional Theatro D. Pedro, localizado na Praça Expedicionários, no Centro de petrópolis.

Com criação e direção do jornalista, ator e diretor Haroldo Costa, embaixador cultural do Rio de Janeiro, o projeto “A Luz do Escurinho Geraldo Pereira” homenageia o centenário do sambista e compositor Geraldo Teodoro Pereira, mineiro de Juiz de Fora que incorporou como poucos o jeito carioca. A apresentação também remete ao Dia Nacional do Samba, celebrado anualmente em 2 de dezembro.

O show é comandado pela Velha Guarda da Mangueira, escola do coração de Geraldo. Muitos integrantes do grupo conviveram com o artista homenageado e ouviram muitas de suas histórias e sambas em primeira mão.

Geraldo, que exalava talento e era intimamente ligado às noites do Rio de Janeiro, é responsável por uma obra admirável no mundo do samba. No show, a Velha Guarda da Mangueira passeia por sucessos como “Acertei no milhar” (com Wilson Batista), “Bolinha de papel” (com Wilson Vanderlei) e a incrível canção “Escurinho”, considerada uma obra-prima por cantores e compositores de várias épocas e estilos.

Os ingressos estão à venda na bilheteria do teatro, de quarta a domingo, das 14h às 20h. O valor é de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Crédito da foto: Reprodução da internet

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.