HUGO BARRETO/METRÓPOLES

Gasolina, diesel e gás de cozinha ficam mais caros a partir desta quinta-feira (1) No Rio de Janeiro o botijão de gás de cozinha sofrerá aumento de 11%

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O Conselho Nacional de Política Fazendária – CONFAZ divulgou nesta segunda-feira (29) o reajuste nos preços de combustíveis nos Estados e o Distrito Federal, a partir do dia 1º de novembro de 2018. O reajuste refere-se ao preço médio ponderado ao consumidor final (PMPF).

Onze estados ficarão isentos do reajuste: Acre, Bahia, Espirito Santo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Piauí, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins. Os demais estados sofrerão reajustes diferenciados para cada combustível, conforme tabela divulgada pelo CONFAZ.

No estado do Rio de Janeiro, o combustível com maior impacto no preço final é o gás de cozinha, que custa R$ 4,84/kg passando a ser cobrado R$ 5,41/kg. O botijão de 13kg, sofrerá aumento de 11%, podendo chegar ao valor médio de R$ 70. O GNV sofrerá aumento de 1% em comparação a média atual, uma média de R$ 2,80 m³. Já o óleo diesel terá aumento médio de 3%, valor médio de R$ 3,67 o litro.

Confira a tabela de PMPF:

Legenda:
* valores alterados de PMPF; e
** valores alterados de PMPF que apresentam redução

 

Até a publicação desta matéria, não havíamos recebido retorno das principais distribuidoras de combustível do pais sobre o repasse dos reajustes aos consumidores finais.

Crédito da foto: HUGO BARRETO/METRÓPOLES

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.