Equilíbrio e emoção são as melhores palavras para definir o mundial de fórmula 1 deste ano, a liderança do mundial de pilotos e construtores alternou muito e três equipes venceram as 10 etapas realizadas até agora, são elas: Mercedes, Ferrari e Red Bull, as mais fortes do grid.

Quatro pilotos venceram ao menos uma prova, sendo eles: Hamilton, Vettel, Ricciardo e Verstappen, apesar de não ter o líder de o vice-líder do mundial a dupla da Red Bull é a única a vencer etapas, já os finlandeses Raikkonem da Ferrari e Bottas da Mercedes ainda estão em branco neste ano.

Vettel lidera o mundial de pilotos tendo uma pequena vantagem de 8 pontos sobre Hamilton, nos construtores a vantagem da Ferrari que volta a liderar a tabela de fábricas depois de anos de projetos sem o sucesso esperado, para a pentacampeã Mercedes é de 20 pontos, sendo a pontuação somada dos dois pilotos, a formante dos pontos das equipes na classificação de fabricantes.

Daqui a três semanas o mundial será retomado na Alemanha, a corrida do último final de semana foi vencida por Sebastian Vettel, seguido no pódio por Hamilton e Raikkonem, numa prova disputada volta a volta com emoção, principalmente na parte final em função de acidentes no meio do pelotão que contribuíram para embolar os líderes na parte da frente do grid.

(imagem Sky Sports)