Cumprindo o último jogo da punição imposta pela comenbol, o Flamengo enfrentou o Independiente Santa Fé da Colômbia, sem a presença de torcedores na noite de ontem, para compensar, o último treino antes da partida foi realizado no estádio do Maracanã, com a presença de 46 mil pessoas, que trocaram alimentos não perecíveis por um ingresso, na esperança de que o time reagisse de outra forma no jogo.

Nos primeiros vinte minutos o Flamengo dominou o adversário e criou inúmeras chances de marcar gols, anotou um com o atacante Henrique Ceifador, de cabeça, no entanto, numa falha de Diego na saída de bola, o time adversário armou um rápido contra-ataque e em três toques chegou ao empate com o atacante Wilson Morelo, artilheiro da Libertadores com oito gols.

No segundo tempo o jogo ficou morno e nas redes sociais os protestos contra a má atuação do time de multiplicavam, com o passar do tempo, tanto que, os muros do clube forma pichados com pedidos de renúncia do presidente Eduardo Bandeira de Mello e saída dos jogadores Diego, que perdeu um gol feito no segundo tempo e William Arão, que entrou na etapa complementar, apesar dos resultados o Flamengo lidera sua chave com 5 pontos.

(imagem Twitter)