Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado à nove anos e seis meses de prisão por lavagem de dinheiro no caso triplex. Seus advogados de defesa foram até a ONU, mas não tiveram êxito em conseguir com que o ex-presidente participasse das eleições presidenciais deste ano.

Na tarde desta terça-feira (11), o ex-prefeito da cidade de São Paulo, Fernando Haddad visitou Lula na sede da Polícia Federal, em Curitiba-PR. No local aconteceu uma reunião em que ficou decidido que o Fernando fosse cabeça de chapa do PT. O candidato seria vice de Luiz Inácio, caso conseguisse ser elegível.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral), enviou nesta segunda (10), um último recurso para o STF (Superior Tribunal Federal), que não aceitou e estipulou um limite para que a chapa fosse trocada, e o PT pudesse participar das eleições.

Vice de Fernando Haddad não foi divulgado até o momento da publicação dessa matéria.

Por: Gabriel Malheiros