A International Board, responsável por criar e editar regras do futebol notificou a federação de futebol do estado do Rio de Janeiro, organizadora do campeonato estadual, acerca da regra de substituição que neste ano foi alterada para cinco, em vez das três que já existem desde a Copa de 1974 na então Alemanha Ocidental.

Desta forma a regra foi invalidada e a partir do próximo sábado, onde o primeiro turno terá a sua quarta rodada realizada, somente três jogadores poderão ser substituídos, a medida foi vista com preocupação pelos quatro grandes times, que tiveram poucos dias de preparação, diferente das equipes de menor investimento que treinam desde o final do ano de 2017, enquanto Flamengo, Fluminense, Vasco da Gama e Botafogo estavam disputando o campeonato brasileiro e a Copa Sul Americana.

A regra foi criada com o objetivo de auxiliar os times maiores, que tiveram sua pré-temporada encurtada, por causa da disputa da Copa do mundo, que espremeu o calendário, fazendo com que houvesse uma desvantagem física em favor das equipes menores, que inclusive venceram times grandes, o Boavista derrotou o Fluminense e o Bangu venceu o Vasco da Gama, na primeira rodada da competição.

(imagem retirada do site da Comenbol)