Essa se chama “velha coberta”

Uma leitura para refletir, para apreciar e se apaixonar.

Você me diz que está cansada
Eu te respondo que eu não
Ainda tenho muito pra oferecer
O que mais quero é pedir sua mão

Você reclama de qualquer coisa
Eu te elogio mesmo você estando com a pior roupa
Só consigo ver beleza
Naquilo que tenho mais certeza

Parece uma luta de uma pessoa só
Eu não entrei pra perder
Apostei tudo em você
E não vou a nocaute, eu vou vencer

Eu não quero uma briga por telefone
Eu sonhei te dar meu sobrenome
O problema que tivermos, a gente concerta
Juntos na cama com a nossa velha coberta

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também