A Assembleia Legislativa aprovou há dias um projeto de lei do deputado Benedito Alves (PRB) que torna obrigatória a realização de atividades de orientação profissional aos alunos do ensino médio, nos colégios públicos e particulares do Estado do Rio. A proposta de lei tenta minimizar a falta de informação do aluno sobre as profissões, sobre os cursos universitários e técnicos e ainda sobre o mercado de trabalho. Segundo o deputado, a falta deste tipo de informação é um forte obstáculo para a escolha segura da carreira.

A proposta seguirá para sanção ou veto do governador Luiz Fernando Pezão, que terá até 15 dias úteis para decidir. Segundo o texto, as atividades deverão ser realizadas de acordo com o calendário escolar e o projeto pedagógico de cada instituição. As escolas poderão oferecer palestras, discussões em grupo ou exposições durante as aulas.

As unidades também poderão realizar parcerias com a Secretaria de Estado de Educação com o objetivo de convidar profissionais de diversas áreas para debater com os alunos as suas experiências no mercado de trabalho.

Fonte: O Dia

Crédito da foto: Reprodução da intenet / Site Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro