Escolas com educação integral já atendem 1.668 alunos

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Petrópolis vem se destacando na oferta de educação em tempo integral: neste ano, 15 espaços estão oferecendo esse tipo de atendimento que prioriza o maior tempo do aluno na unidade escolar com acesso a atividades diversificadas. O investimento na educação em tempo integral coloca Petrópolis no rumo certo: até 2025 o governo federal estipula que 50% dos alunos da rede precisam estar em escolas de tempo integral. Essa mudança na rede municipal vem acontecendo gradativamente: em 2017 eram quatro escolas que ofertavam esse tipo de atendimento.

 “É um atendimento diferenciado que proporciona o acesso a atividades esportivas e culturais diversificadas além do reforço em Língua Portuguesa e Matemática, ou seja, é um ganho para toda a rede municipal.  É uma alegria muito grande conferir de perto o salto que a rede municipal está dando com relação à oferta do atendimento integral. Em 2017 eram quatro escolas e em 2019 pulamos para 15”, destacou o prefeito Bernardo Rossi.

Além das aulas diversificadas, os alunos no integral têm a refeição reforçada. “Com o integral aumentamos a oferta de alimentos para esses alunos e garantimos a segurança. Os pais podem trabalhar tranquilos porque sabem que os filhos estão sendo atendidos no ambiente escolar”, completa Bernardo Rossi. Vale salientar que a educação integral está de acordo com as metas estabelecidas no Plano Nacional de Educação e também no municipal.

Passaram a atender de forma integral em 2019 as escolas: EM Johan Noel – 4º p até o 3º ano do fundamental; EM Luiz Carlos Soares (Morin) – 4º período ao 3º ano do ensino fundamental; EM Senador Mário Martins (Caxambu) – do 4° período da educação infantil até o 5° ano do ensino fundamental; EM Monsenhor Cirillo Calaon (Jardim Salvador) – 1° período da educação infantil até o 3° ano do ensino fundamental e EM Magdalena Tagliaferro (Castelo São Manoel) – do 4° período da educação infantil até o 5° ano do ensino fundamental.

Além das cinco novas escolas que passarão a atender de forma integral em 2019, já oferecem esse tipo de atendimento as unidades escolares: Ana Mohammad (Sargento Boening), Soroptimista (Pedras Brancas), Leonardo Boff (Duarte da Silveira / Contorno), Colégio Gunnar Vingren (Valparaíso), Professor Nilton São Thiago (Nogueira), São Francisco de Assis (Moinho Preto), São João Batista (Duarte da Silveira), Dom Pedro de Alcântara (BR-040). Além dessas, duas escolas oferecem atendimento integral a partir de projetos distintos: Escola Santo Antônio do Vale do Cuiabá / Padre Quinha e o Centro Educacional Comunidade São Jorge.

“Vale destacar que as unidades que passaram a oferecer atendimento integral passaram por melhorias no início do ano, tudo para garantir o conforto dos alunos e servidores que atuam nesses espaços escolares”, afirma a secretária de Educação, Marcia Palma.

Os pais que quiserem informações sobre o funcionamento das escolas que funcionam integralmente podem procurar o Departamento de Inspeção Escolar da Secretaria de Educação – 2246-8675.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.