concept of future technology 5G network wireless systems and internet of things

Entenda o que muda com a chegada do 5G e saiba como utilizar o serviço

Com a chegada da transmissão do 5G no Brasil, muitas pessoas se perguntam se é necessária uma troca de celular, uma troca de chip, ou se o serviço ficará disponível na região onde reside.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Algumas capitais do Brasil já receberam o tão aguardado sinal 5G. Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre e João Pessoa já receberam o mais alto sinal de internet já visto pela humanidade, e agora, a partir desta quinta-feira (4), a cidade de São Paulo passa a receber o serviço.

Com a chegada da transmissão do 5G no Brasil, muitas pessoas se perguntam se é necessária uma troca de celular, uma troca de chip, ou se o serviço ficará disponível na região onde reside.

Tendo como base estas constantes dúvidas, preparamos um dossiê com os procedimentos disponibilizados por cada operadora para que seja realizada a transição para o serviço 5G, a lista de aparelhos habilitados para a nova rede e o mapa de cobertura das companhias.

Claro

Segundo a Anatel, atualmente a Claro está em 3.800 cidades brasileiras, parâmetro usado pela empresa na cobertura do 5G.

A operadora também garante que os clientes com chips 4G já podem acessar a rede nomeada pela operadora de 5G+, uma frequência non-standalone. Para utilização do novo sinal de 5G SA será necessário a troca de chip pela operadora.

Para acessar a lista completa de aparelhos 5G da Claro. Clique aqui. Para ver o mapa de cobertura da operadora, acesse: www.claro.com.br/mapa-de-cobertura.

Vivo

De acordo com o site da Vivo, os clientes com chips 4G já poderão navegar usando a rede 5G assim que estiverem disponíveis na sua cidade. A operadora avisa que apenas para utilização do 5G SA (standalone) será necessário a troca do chip.

Para acessar a lista de aparelhos 5G que a Vivo disponibiliza. Clique aqui.  Para ver o mapa de cobertura da operadora acesse o link: www.vivo.com.br/para-voce/por-que-vivo/qualidade/cobertura.

Tim

No caso da TIM, a operadora garante que não será necessário a alteração de chip para o 5G SA. Porém, inicialmente o 5G standalone da TIM ficará restrito aos planos pós-pago TIM Black ou TIM Black Família com a contratação de 50 GB de internet adicional.

Para acessar a lista completa de aparelhos 5G da TIM. Clique aqui. Para ver o mapa de cobertura da operadora, acesse: www.tim.com.br/para-voce/cobertura-e-roaming/5g#3907.

Agora confira abaixo a lista completa de aparelhos 5G que foram homologados pela Anatel:

Apple:

  • iPhone SE
  • iPhone 13
  • iPhone 13 Pro
  • iPhone 13 Pro Max
  • iPhone 13 Mini
  • iPhone 12
  • iPhone 12 Pro
  • iPhone 12 Pro Max
  • iPhone 12 Mini

Motorola:

  • Edge
  • Edge 20
  • Edge 20 Pro
  • Edge 20 Lite
  • Edge 30
  • Edge 30 Pro
  • Moto G50 5G
  • Moto G 5G Plus
  • Moto G71
  • Moto G200
  • Moto G 5G
  • Moto G G100
  • Moto G82
  • Há ainda um aparelho apenas com modelo, sem nome comercial, xt-2223-2

Samsung:

  • Galaxy Note 20 5G
  • Galaxy Note 20 Ultra 5G
  • Galaxy Z Fold 2 5G
  • Galaxy Z Flip 3
  • Galaxy Z Fold 3
  • Galaxy S20 FE 5G
  • Galaxy S21 5G
  • Galaxy S21 Ultra 5G
  • Galaxy S22
  • Galaxy S22 Ultra
  • Galaxy A73 5G
  • Galaxy A23 5G
  • Galaxy A22 5G
  • Galaxy M23
  • Galaxy M52
  • Galaxy M53
  • Galaxy M33
  • Galaxy A13 5G
  • Galaxy S21 FE
  • Galaxy A53
  • Galaxy A52s
  • Galaxy A52
  • Galaxy A33
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.