Rua Antônio Neissius, no Castelânea - Foto: Roberta da Fonseca Santos

Em menos de quatro horas, terceiro tremor de terra é sentido por moradores no bairro Castelânea

De acordo com uma moradora, este terceiro tremor aconteceu por volta das 12h20.

Moradores do bairro Castelânea, em Petrópolis, voltaram a relatar, na tarde desta sexta-feira (18), um novo tremor de terra. De acordo com uma moradora, este terceiro tremor aconteceu por volta das 12h20. Pela manhã o barulho e o tremor ocorreram por, pelo menos, duas vezes, nos horários de 8h30 e 10h20.

Roberta da Fonseca Santos, moradora da rua Antônio Neissius, no Castelânea, disse que há alguns meses, após um estrondo, sua casa teria tremido. Hoje pela manhã ela novamente sentiu os tremores. “Hoje minha prima, que mora há uns 100 metros de mim veio me perguntar assustada se a minha casa havia tremido ou se a dela estava caindo“, relatou Roberta.

Tremeu feio hoje por aqui… as paredes tremem“, enfatizou a moradora.

Uma outra moradora chamada Rafaela disse ter sentido o tremor na Estrada do Paraíso, depois do BNH. “Acabei de sentir a casa toda tremendo aqui no Sargento Boening, tremeu meus móveis aqui dentro de casa, temos que ficar observando“, disse Rafaela.

No mês de fevereiro deste ano moradores haviam relatado situações semelhantes, informação confirmada pela Defesa Civil. O órgão municipal tenta apurar o ocorrido. “A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias foi acionada nesta sexta-feira (18/09) e vai enviar uma equipe ao local para verificar a situação. Os técnicos estiveram no local em fevereiro deste ano, após o chamado dos moradores para uma situação parecida. Na época, foram feitas vistorias nos imóveis, mas nenhum deles apresentou rachaduras ou qualquer outro problema que poderia ser causado pelos tremores”, informou a Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias de Petrópolis.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também