Créditos: Wilson Dias/Agência Brasil

Dia Mundial sem Carro: Diversas ações estão programadas para acontecer no Rio de Janeiro

O uso de transportes sustentáveis, como bicicletas, patinetes e caminhadas, foi reforçado em todo o mundo, em consequência da pandemia de covid-19.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

O uso de transportes sustentáveis, como bicicletas, patinetes e caminhadas, foi reforçado no mundo desde o ano passado, em consequência da pandemia de covid-19. No Dia Mundial sem Carro, celebrado nesta quarta-feira (22), estudo mostra que andar a pé foi a modalidade que se tornou mais popular no período, com 78 pontos de satisfação em uma escala de zero a 100.

Muitas ações foram realizadas para celebrar a data, principalmente no Rio de Janeiro. Em Niterói, foi realizado o Passeio Ciclístico com a Educação, que percorreu algumas das principais ciclovias da cidade, dirigindo-se até a Escola Municipal Julia Cortines, onde houve a inauguração de novos paraciclos instalados na instituição.

Outra pedalada coletiva para incentivar o uso da bicicleta no deslocamento diário das pessoas foi no Rio de Janeiro no Parque Garota de Ipanema, no Arpoador, zona sul da cidade.

Em Jacarepaguá, houve uma pedalada visando à expansão da rede cicloviária da região, assim como à melhor manutenção da ciclovia já existente”, disseram os organizadores.

A data do Dia Mundial sem Carro foi criada na França em 1997, e passou a ser adotada em vários países do continente no ano 2000. O objetivo é estimular a reflexão a respeito do uso excessivo de automóveis e fazer as pessoas experimentarem meios de deslocamento alternativos, menos poluentes e mais sustentáveis.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.