Detran.RJ monta mutirão no feriado para quem precisa de documentos Ação vai atender quem precisa de identidade para dar entrada em benefícios

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Para atender quem mais precisa nesse momento difícil de enfrentamento à pandemia, o Detran.RJ fará um mutirão com atendimentos no feriado do Dia do Trabalho e ao longo de todo fim de semana. O objetivo é acelerar a entrega de novas carteiras de identidade para quem precisa do documento para obter benefícios dos governos, como os auxílios financeiros de R$600,00 do governo federal, o FGTS e o seguro desemprego, além das pessoas que necessitam do documento para retirar remédios gratuitos em farmácias, por exemplo.

Nos dias 1°, 2 e 3 de maio, também serão atendidas pessoas em situação de rua. Muitas delas são catadores de material reciclado ou que fazem outros ‘bicos’ e tiveram suas fontes de renda interrompidas pela necessidade de isolamento da população durante o combate ao novo coronavírus. A previsão é de que seiscentas pessoas sejam atendidas na sede do Detran, que fica na Avenida Presidente Vargas, 817, Centro do Rio.

“Diante do quadro atual, entendemos que o plano de contingência montado em março precisava ser revisto e incluímos essas pessoas nos processos de prioridade. Entramos numa nova fase de atendimento no Detran, voltando nossos esforços também para as pessoas que precisam requerer todos os suportes dos governos neste momento tão difícil da economia. É uma necessidade imediata que supriremos”, frisou o presidente do Detran.RJ, Marcello Maia Braga, anunciando ainda que outros mutirões também estão previstos:

“Estamos nos organizando para estender a ação para outros fins de semana. Ampliaremos a oferta do serviço, mantendo a segurança sanitária recomendada pelas autoridades de saúde e evitando aglomerações. Estamos no momento mais crítico da contaminação e todos precisam ajudar”, completou o presidente do Detran.RJ.

Desde 16 de março, o Detran vem trabalhando em esquema especial para evitar aglomeração em seus postos e preservar a saúde de seus funcionários e usuários, ao mesmo tempo em que mantém a prestação de serviços para as demandas emergenciais. Nesse período, o atendimento foi prioritário para os profissionais que estão no front da batalha contra a pandemia, que são os trabalhadores das áreas de saúde e segurança e motoristas profissionais. Essas prioridades estão mantidas e, agora, somadas aos casos de pessoas que precisam do documento para retirada de benefícios. Durante o plano de contingência o prazo de documentos importantes como a Carteira de Habilitação e também dos recursos de multas foram prorrogados para facilitar a vida da população.

O atendimento especial neste feriado será das 8h às 18h. O Detran frisa que não é preciso correr para agendar o serviço. Nesse primeiro momento, as vagas serão ocupadas pelos registros feitos no teleatendimento do departamento. A abertura das forças-tarefa dos núcleos de Educação e Identificação do Detran nos fins de semana ampliará, com segurança, a oferta de vagas.

Dessa forma, serão realizados apenas atendimentos com hora marcada. A medida é imprescindível para evitar exposições desnecessárias. Portanto, cada um deve estar atento ao horário de chegada. Será necessário apresentar a original da Certidão de Nascimento ou Casamento e DUDA pago (obter o documento no site do Detran http://detran.rj.gov.br/_documento.asp?cod=160 R$ 40,09). Quem não tiver condições financeiras de pagar a taxa, deve apresentar a certificação de Hipossuficiência, que pode ser obtida na Defensoria Pública ou Secretaria de Assistência Social. E aqueles que tiveram o documento roubado ou furtado, também não precisam pagar o DUDA, mas devem apresentar o Boletim de Ocorrência devidamente assinado pelo delegado.

Os serviços serão necessariamente agendados pelo teleatendimento do Detran nos números 3460-4040 e 3460-4041 para ligações da região metropolitana. Os números para ligações intermunicipais são 0800 020 4040 e 0800 020 4041. As ligações podem ser feitas das 8h às 18h.

O Detran reforça ainda que cada pessoa deve entrar na unidade usando máscaras no rosto, que cubram nariz e boca. Não há necessidade de retirar a máscara para se comunicar com o atendente. As pessoas em situação de rua precisam ser encaminhadas pelas secretarias de Assistência Social estadual e dos municípios, como forma de ordenar o atendimento a todos.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.