A noite em Petrópolis ficou iluminada com a passagem do Desfile de Luzes pelas ruas do Centro Histórico, no feriado desta sexta-feira (29.06) – Dia do Colono. Com lanternas e velas artesanais nas mãos, mais de três mil pessoas acompanharam os grupos folclóricos e descendentes de famílias dos colonos alemães. A atração, que faz parte da programação da 29ª Bauernfest, é inspirada na tradição germânica secular em comemoração ao dia de São Martinho e que também marca o início do inverno alemão. Neste fim de semana a programação continua, com destaque para o Desfile Folclórico de encerramento, na manhã deste domingo (1º.06), também no Centro.

Para o prefeito Bernardo Rossi, que acompanhou todo o desfile, ao lado da família, mais do que o incremento na economia trazido pela festa, o fundamental é a preservação da cultura germânica na cidade: “O Desfile de Luzes foi emocionante. É uma homenagem à cultura alemã e uma maneira de mantermos vivas essas tradições em Petrópolis. Vimos famílias alegres, crianças se divertindo, turistas acompanhando todo o percurso”, disse.

Com os grupos e famílias vestindo os trajes típicos, além da realeza da festa, o público acompanhou todo o desfile ao som da canção alemã Lanterne, que ganhou a versão especial Brilhando, composta pelo maestro Leonardo Randolfodiretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE). “O desfile foi um sucesso, assim como está sendo toda a festa. Essa homenagem à cultura germânica é mais do que justa, já que ela está presente não só durante a Bauernfest, mas no nosso dia-a-dia, na culinária, nas construções, na dança, na música. E trouxemos o simbolismo da luz, com as lanternas, para reforçar essa homenagem”, frisa ele.

Durante o percurso, o que se via também era uma mistura de culturas. A boliviana Maria Teresa Blacutt, que é professora e mora em Petrópolis há sete anos, levou os filhos para curtirem o desfile. “Venho todos os anos para a festa. É uma mistura boa de culturas. Meu filho, por exemplo, já dançou em um grupo de dança folclórica alemã, nós adoramos. E o desfile está muito bonito, estamos gostando muito”, disse.

Segundo o secretário da Turispetro, Marcelo Valente, a atração também fez com que turistas prorrogassem a estadia em Petrópolis. “Muitos turistas decidiram pernoitar na cidade para acompanhar o Desfile de Luzes à noite. Além de fazermos essa bela homenagem, a festa ainda aquece a nossa economia através do turismo”, destaca ele.

Para quem acompanhou o percurso, que começou na Avenida Ipiranga, terminando no Palácio de Cristal, não faltou elogios. “A festa está a cada ano melhor, me surpreendeu a quantidade de pessoas no desfile. É uma iniciativa muito legal”, concordaram a empresária Cristina Carneiro e o publicitário Arnaldo França.

Mais de mil lanternas foram distribuídas para o público que acompanhava o desfile.

Concurso premiou a dona da lanterna mais enfeitada

Pelo segundo ano consecutivo, a aposentada Maria da Glória Esch, de 80 anos, venceu o concurso que elegeu a lanterna mais enfeitada da festa, que aconteceu na dispersão do Desfile de Luzes. Segundo ela foi uma surpresa. “Eu não esperava ganhar mais uma vez. Quero agradecer de coração. Adorei demais, venho todos os anos e vou continuar vindo”, disse ela, que é neta de alemães.

A aposentada ganhou como prêmio um jantar com direito a um acompanhante no restaurante Alquimia dos Temperos.

Programação em todos os palcos neste sábado

A festa continua neste sábado com uma programação extensa durante todo o dia. O Palco Engelberto Seiler, no interior do Palácio de Cristal, será aberto às 15h com recreação infantil e logo após terá a Banda Germânica, às 18h. A diversão também fica por conta dos concursos de chope a metro e chapéu mais enfeitado. No Koblenz, que fica nos jardins do Palácio, os grupos começam a subir ao palco às 15h e vão até o fim da noite. No Palco Brasil, na Praça da Liberdade, tem teatro às 14h com Os Contos de Grimm, e Coral das Meninas dos Canarinhos de Petrópolis e a banda Spiel und Charm logo após. No Biergarten, na Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia), a diversão começa às 14h com DJ, mas também sobe ao palco as bandas Blackout Scorpions Tribute e Hover. E o Espaço Tanzen, no clube Petropolitano, terá Banda do Barril às 19h30 e DJs após 22h.

Domingo com Desfile Folclórico e final do concurso de chope

No domingo, o destaque fica por conta do Desfile Folclórico, saindo às 10h30 da Rua da Imperatriz, em frente ao Museu Imperial, e terminando no Palácio de Cristal. Além disso, no Palco Koblenz, a programação começa cedo, a partir de 12h com a apresentação da Orquestra de Câmara do Palácio Itaboraí/FioCruz Petrópolis. Em seguida, entram os grupos folclóricos com a tradicional dança alemã até o fim da noite. Já no Palco Engelberto Seiler, a Bauerntheater anima o público a partir de 15h. Logo após ninguém vai conseguir ficar parado com a apresentação da Banda do Barril, às 16h. E, após a final do concurso de chope, às 18h30, a Banda Germânica encerra a noite até as 22h.

Na Praça da Liberdade a programação também começa cedo, às 11h com os Jogos Germânicos, que se repetem às 15h. No Palco Brasil haverá, também às 11h, a apresentação do Coral Pró Tempore. Às 16h tem Taruíra e às 19h a banda Tokaia. O Biergarten vai contar com muito rock alemão a partir de 14h30 com a banda Spiel und Charm e DJ logo em seguida. Às 17h30 a Banda Hover se apresenta e às 20h será a vez do Trio Trebiã. Há ainda programação especial no Museu Imperial, no Senac, entre outros pontos do Centro Histórico.