Foto: Divulgação / Linha Verde

Denúncia do Linha Verde leva polícia a flagrar construção irregular as margens do Rio Piabanha em Petrópolis

Uma denúncia recebida pelo programa Linha Verde (0300 253 1177) que dava conta sobre um homem que vinha loteando terrenos às margens do Rio Piabanha com objetivo de construções irregulares, levou policiais militares da 5ª UPAm nesta segunda-feira (30) ao município de Petrópolis, na região serrana, onde flagraram uma área com degradação de 500 metros quadrados em Corrêas.

Segundo os agentes da Unidade de Policiamento Ambiental dos Três Picos, responsáveis pela averiguação das informações, a denúncia ainda dava conta de um possível local invadido que funcionaria como um depósito de areia. Chegando à Estrada Mineira, fizeram contato com o responsável pelo terreno denunciado e, após o mesmo ter autorizado a entrada da equipe, os policiais militares identificaram a existência de uma construção irregular já com alicerces, às margens do Rio Piabanha, o que configura uma área de preservação permanente. Quando questionado sobre as licenças necessárias para tal intervenção, o responsável informou que a obra tinha sido iniciada há pouco tempo e que desconhecia a necessidade de ter uma autorização para a atividade. Diante dos fatos e de acordo com o artigo 60 da lei de crimes ambientais em consonância com o artigo 4º da lei 12.651/12, a equipe da UPAm procedeu junto com o acusado, à 105ª DP, onde a ocorrência foi registrada.

Vale reforçar que no município de Petrópolis, a população pode denunciar crimes ambientais ao Linha Verde, através do telefone 0300 253 1177 (custo de ligação local) ou ainda pelo aplicativo para celulares “Disque Denúncia RJ” enviando fotos e vídeos, sempre com a garantia do anonimato.

Fonte: Disque Denúncia RJ

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também