Reprodução da internet / Página da 119ª DP no Facebook

Delegacia de Rio Bonito prende casal por tortura, cárcere privado e ameaça

Eles mantinham a vítima em cárcere privado e botavam panos nas janelas, para que ninguém os visse. Além disso, no momento das agressões, ligavam o som em volume alto para os vizinhos não ouvirem.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Policiais da 119ª Delegacia de Polícia (DP), em Rio Bonito, prenderam, nesta quarta-feira (10/06), um casal por tortura qualificada pela lesão corporal grave, cárcere privado e ameaça. A prisão aconteceu em Tanguá, Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

De acordo com os agentes, a investigação concluiu que o homem instigava a própria companheira a agredir a filha dela, de 22 anos. Eles mantinham a vítima em cárcere privado e botavam panos nas janelas, para que ninguém os visse. Além disso, no momento das agressões, ligavam o som em volume alto para os vizinhos não ouvirem.

Ainda segundo os agentes, os criminosos também ameaçavam de morte o irmão da vítima, para que ele não denunciasse o fato a polícia. A vítima sofreu lesões na cabeça e nos joelhos e está hospitalizada. Contra os dois foi cumprido mandado de prisão pelos crimes.

Fonte: PCERJ

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.