A Equipe do Portal Giro foi convidada para participar da cabine de imprensa da pré-estreia do Filme sul-coreano, “O Dia Depois”, em São Paulo no cinema Caixa Belas Artes, e Eu tive o prazer de acompanhar tudo de perto!

Sobre o Filme

O longa esteve na lista de seleção do importante Festival de Cannes, a historia se desenvolve em um único dia de um homem dono de uma pequena editora de livros, que esta enfrentando problemas matrimonias e se vê em um dilema tento que treinar um nova funcionaria para o seu empreendedorismo. Uma serie de acontecimentos com o desenrolar  da drama expõe qual é as verdadeiras intenções deste homem.

A reprodução do filme destaca a simplicidade de momentos cotidianos que são captadas de forma única pelo o estilo do Cineasta, revelando de forma singela através dos eventos comuns as relações afetivas que acontecem no longa.

Podemos chamar de relações hipócritas que existem no universo de “O Dia Depois”, vemos o exemplo do machismo que esta enraizada em diversas culturas do mundo; um homem que deseja manter seu casamento a ferro e fogo e que ao mesmo tempo anceia pela vida ao lado de sua amante. O sacarmos narrativo que existe na historia tira de certa forma o humor destas situações fazendo certas reflexões sobre os relacionamentos nada sólidos construídos sobre os sentimentos individualistas de cada um.

O longa gira em torno de um pequeno cenário: o dono da editoria, sua esposa, ex-funcionaria/nova, e atual amante, e por serem esses seus personagens é o suficiente um só dia para saber como se dão os relacionamentos desses protagonistas.

O Dia Depois, mostra a habilidade brilhante de Hong Sang-Soo de captar e investigar á intimidade e hábitos  relacionado a pessoas comuns, o longa trata essa volatilidade de interesses dentro dos relacionamentos. Toda a historia se resume em uma unica cena final, que faz o espectador de fato entender do que realmente o filme se trata.

Estreia: 12 de abril de 2018