Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral. Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos.

Covid-19: Petrópolis inicia vacinação de pessoas com paralisia cerebral maiores de 18 anos

Este grupo está sendo vacinado por faixa etária, com cadastro aberto neste momento para quem tem mais de 40 anos
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A Secretaria de Saúde de Petrópolis abriu na segunda-feira (24/05) o cadastro para vacinação contra a covid-19 de pessoas com paralisia cerebral maiores de 18 anos, incluídas pelo Ministério da Saúde no grupo prioritário assim como pessoas com síndrome de down, autistas e pacientes renais crônicos. O município também seguiu atualização do Plano Nacional de Vacinação e incluiu pacientes com doenças neurológicas no grupo com comorbidades, que está sendo vacinado por faixa etária. Neste momento, o cadastro está aberto para pessoas com comorbidades com mais de 40 anos. As idades serão ampliadas à medida em que o município receber mais doses de vacina.

Em todos os casos é preciso que as pessoas façam o cadastramento no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br), agendando a data da vacinação. As vagas são abertas conforme a disponibilidade de doses da vacina no município e o recebimento de novas remessas.

“A ampliação das faixas etárias para vacinação está sendo feita de forma responsável, com o público alvo definido conforme a chegada de novos lotes com primeiras doses. Este planejamento é o que vem garantido que todos que tomaram a primeira dose tenham a certeza de que receberão a segunda sem qualquer atraso”, destaca o prefeito interino Hingo Hammes

Idosos com mais de 60 anos, que por algum motivo não compareceram aos postos, continuam podendo ser vacinados, assim como pessoas com deficiência permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) – este último grupo está sendo vacinado por faixa etária, neste momento com cadastramento para maiores de 40 anos. Pessoas com síndrome de down, autismo e pacientes renais crônicos em diálise podem ser vacinados a partir dos 18 anos e também devem ser cadastradas. Trabalhadores da saúde com mais de 30 anos também estão recebendo a vacina.

A Secretaria Municipal de Saúde esclarece, ainda, que aguarda o envio de vacinas específicas para cumprir a Lei Estadual 9.264/21, que autoriza e permite a inclusão de pais, tutores e cuidadores de pessoas com deficiências permanentes no grupo prioritário para vacinação contra a covid-19.

“Conforme orientação da Secretaria de Estado de Saúde, esta lei será cumprida tão logo o Ministério da Saúde entregue doses específicas para o grupo citado”, destaca o secretário de Saúde Aloisio Barbosa da Silva Filho.
Gestantes e puérperas maiores de 18 anos com comorbidades não precisam preencher cadastro. A vacinação delas está sendo feita no campus da UCP Benjamin Constant (Centro) e Parque Municipal, em Itaipava. Para receber a dose, além de comprovar o tipo de comorbidade, gestantes e puérperas devem apresentar laudo indicando que estão aptas a receber a vacina contra a covid-19. A exigência segue orientação do Ministério da Saúde.

Até segunda-feira 78.172 pessoas receberam a primeira dose da vacina e destas, 33.470 receberam a segunda dose do imunizante. A Secretaria de Saúde segue os critérios do Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, com ampliação de faixas etárias sendo feita de acordo com a quantidade de primeiras doses recebidas.

Em caso de dúvidas é possível utilizar o Whatsapp da Saúde, um assistente virtual que fornece informações sobre a vacinação, locais de atendimento a pacientes com sintomas da doença e boletins. Há, ainda, informações sobre a vacinação contra a gripe. O atendimento está disponível pelo número (24) 9.9200-1428.


O Plano Nacional de Vacinação

Petrópolis segue o Plano Nacional de Vacinação, que determina a vacinação de todas as pessoas maiores de 18 anos (neste momento ainda não há aprovação, no Brasil, da vacina para crianças e adolescentes). Em função da quantidade de doses insuficiente para todo o público simultaneamente, o Ministério da Saúde elencou os grupos prioritários, que foram divididos em quatro fases, começando pelos idosos com mais de 75 anos (1ª fase), idosos com 60 a 74 anos (2ª fase), pessoas com comorbidades com 18 a 59 anos (3ª fase) e trabalhadores de áreas como educação, limpeza pública e transporte (4ª fase). Trabalhadores da saúde também estão na lista de prioridades. Estima-se que, em Petrópolis, mais de 100 mil pessoas façam parte dos grupos prioritários. Após a conclusão da vacinação nestes grupos, conforme prevê o Plano Nacional de Vacinação, será aberto o cadastramento para a parcela da população que não faz parte dos grupos prioritários elencados pelo Ministério da Saúde.

Confira quem pode se cadastrar para tomar a vacina contra a covid-19 no momento:

  • Pessoas com comorbidades (listadas no Plano Nacional de Imunização) maiores de 40 anos.
  • Trabalhadores da Saúde a partir de 30 anos
  • Pessoas com síndrome de down maiores de 18 anos
  • Pessoas com autismo maiores de 18 anos
  • Pessoas com paralisia cerebral maiores de 18 anos
  • Pacientes renais crônicos em diálise maiores de 18 anos
  • Pessoas com deficiência permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) com mais de 40 anos.
  • Idosos com mais de 60 anos
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.